Bike Refran
Prefeitura de Mercedes
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Miss Pato Bragado
Campanha Dengue
Banner Yamaha
FarmaVidda
Cotidiano

Agricultor de 65 anos com dengue morre em Maringá

O agricultor José Dirceu Pelisson de 65 anos, morreu nas últimas horas no Hospital Memorial de Maringá. O idoso foi diagnosticado dengue há aproximadamente 15 dias atrás. A vítima morava no Jardim Alvorada, zona

norte da cidade.

Familiares relataram à reportagem, que o homem apresentou todos os sintomas que indicavam que estava com dengue. Por conta disso procurou a UPA (Unidade de Pronto Atendimento). O paciente foi medicado e na sequência liberado, com a suspeita de dengue. Mesmo seguindo as orientações médicas, o agricultor não apresentou melhoras em seu quadro clínico.

Familiares novamente levaram o homem até a UPA zona norte. Ele foi atendido e além de ser medicado passou
por uma série de exames que apontou que o paciente estava com dengue. Durante o final de semana seu
estado de saúde se agravou. Levado até a Unidade de Saúde, o homem ficou hospitalizado, mas infelizmente o
pior aconteceu. O velório ocorreu em Maringá, e o sepultamento aconteceu no final da manhã desta terça-feira
(11), no cemitério municipal de Ivatuba.

A três quadras da residência onde morava o agricultor, um outro homem foi diagnosticado dengue. O morador
tem 62 anos, e segundo alguns amigos, ele está internado em estado grave em um dos hospitais da cidade. A
cidade vive uma epidemia da doença. Na semana passada, uma menina de 7 anos também moradora do
Jardim Alvorada, morreu em decorrência da dengue. O vírus tipo 2, para o qual a população não tem imunidade,
é o responsável por 80% dos casos confirmados de dengue.

Foto: Plantão Maringá

com informações do Plantão Maringa com catve

TOPO