Bike Refran
Ortocolchões
Sandras Publi
Casa da cuca
Banner Yamaha
FarmaVidda
Cotidiano

Covid-19: Após oito dias, padre Celso deixa UTI do Hospital Marcelino Champagnat

O padre Celso Vieira da Cruz deixou nesta terça-feira (14), a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Marcelino Champagnat, em Curitiba. A informação foi repassada pela equipe do Santuário do Perpétuo Socorro. Segundo os amigos, ele está bem e, aos poucos, recuperando sua capacidade respiratória. Não há previsão de alta.

O padre foi diagnosticado com a Covid-19 no final de junho e, no último dia 6, apresentou piora no quadro respiratório e precisou ser transferido do quarto para um leito de UTI. Ele apresentou os primeiros sintomas de gripe no dia 29 de junho e, desde então, ficou em isolamento na casa paroquial. Dias depois, o padre precisou ser internado.

Além do sacerdote, outros três Missionários Redentoristas também testaram positivo para o novo coronavírus: Padre Sérgio Lima, Frater Willian Adriano e Frater Cleverton Antonio Marques. Todos estão bem.

Santuário reaberto
O Santuário Perpétuo Socorro, no Alto da Glória, foi reaberto no último sábado (11), após ficar sete dias fechado. Fiéis podem orar desde que cumpram o distanciamento de 1,5 m. Todo o espaço passou por uma sanitização completa, incluindo limpeza no espaço litúrgico, bancos, sacristia, confessionários, salas, estúdio de som, microfones, banheiros internos e externos e também a desinfecção da lojinha e do velário. Uma empresa terceirizada foi contratada para realizar o serviço.

As missas presenciais no Santuário ainda não podem acontecer devido ao decreto municipal, que proíbe o funcionamento de espaços que possam ter aglomerações com mais de 50 pessoas. Durante o período de pandemia, a secretaria paroquial atende em horário reduzido, de segunda à sexta-feira, das 09h às 16h. Intenções de missas podem ser feitas através do whatsapp (41) 98784-2558 ou pelo telefone fixo (41) 3253-2031.

Com informação e foto: Catve

TOPO