Dengue Pato
Bike Refran
Prefeitura de Mercedes
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Dengue antes
Casa da cuca
IPTU
Banner Yamaha
FarmaVidda
Cotidiano

Ministério Público Federal pede fechamento do comércio em Cascavel

O  MPF (Ministério Público Federal) se manifesta contrário a atual flexibilização das atividades comerciais em Cascavel e reconhece que é preciso restrições, como já ocorreu por meio de decreto municipal

Ofício foi encaminhado ao prefeito Leonaldo Paranhos com esse apontamento após reunião nesta sexta-feira (5) diante da pandemia da Covid-19 na cidade.

Segundo o documento assinado pela procuradora Andressa Caroline de Oliveira Zanette , a fim de reduzir a transmissão do vírus, devem funcionar apenas serviços de primeira necessidade da população como supermercados, farmácias e postos de combustíveis, etc.

A restrição no comércio considera o período de 10 a 21 de junho.

Segundo o MPF, também deve ser analisada pela Vigilância Sanitária, a situação de frigoríficos, onde recentemente foram revelados focos de transmissão da Covid-19.

Por meio do ofício, o MPF manifesta ainda preocupação com possível colapso na Macrorregião Oeste diante da necessidade de leitos e solicita ainda que seja esclarecido pelo prefeito, após anúncio de que a cidade estaria no “início do pico”, sobre a previsão para o fim do pico e redução dos casos, com embasamentos técnicos.

Com informacoes da catve
TOPO