Dengue Pato
Bike Refran
Prefeitura de Mercedes
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Dengue antes
Casa da cuca
Banner Yamaha
FarmaVidda
Cotidiano

Nenhum município do Paraná tem taxa ideal de isolamento social; conheça as cidades mais e menos isoladas

Dados da In Loco repassados ao Bem Paraná mostram que o índice de isolamento social no Paraná voltou a crescer na quarta (06 de maio). Em todo o estado, 41% das pessoas estavam respeitando as medidas de prevenção ao contágio do novo coronavírus. Um dia antes, o porcentual era de 39%.

O mapa do isolamento social, disponível também ao público no site da In Loco, é atualizado diariamente com informações do dia anterior.

Quanto maior o número, maior o isolamento social, que é medido pela integração de uma API em aplicativos de parceiros, que contam com mais de 60 milhões de dispositivos cadastrados.

Se começarmos o texto pela boa notícia, que foi o aumento do índice de isolamento social no estado (ainda que um aumento tímido), agora é hora do lado preocupante dos dados.

É que nenhuma das 399 cidades paranaenses, ainda conforme a In Loco,  atingiu ontem o índice que seria considerado ideal de isolamento social.

Para controlar a disseminação da COVID-19, o ideal é um índice de isolamento social de 70%. É, por exemplo, esse índice que o estado de São Paulo, até aqui um dos mais impactados pela crise em saúde pública, vem buscando alcançar.

No Paraná, contudo, o município que chegava mais próximo disso na última quarta-feira era Ariranha do Ivaí, com 66,7% de isolamento social. O município, localizado na região metropolitana de Apucarana, no norte do Paraná, tem 2,1 mil habitantes e não registrou até aqui qualquer caso de Covid-19.

Na outra ponta, o município de Fênix, que possui 4,8 mil habitantes e também fica no norte do estado, próximo de Campo Mourão, apresenta o menor índice de isolamento social, com 22,92%. Ainda não há, no entanto, casos confirmados do novo coronavírus na cidade.

Curitiba também registra aumento do isolamento

Em Curitiba, capital do Paraná, o índice de isolamento social chegou a 44% na quarta-feira, dois pontos porcentuais acima do que se havia registrado no dia anterior.

Foi o melhor índice de isolamento social desta semana e um dos melhores dos últimos tempos, se desconsiderados feriados e finais de semana (sábado e domingo), datas em que o índice de isolamento social costuma aumentar naturalmente.

Ontem, em entrevista à CNN, o prefeito de Curitiba, Rafael Greca (DEM), descartou a adoção de um “lockdown” contra o coronavírus, mas defendeu as medidas de isolamento social criticadas pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). “Eu compartilho a angústia do presidente da República com a possiblidade de colapso econômico da sociedade brasileira. Mas eu lembro que os empregos só serão necessários se a gente estiver vivo. A vida vem antes do emprego. É muito importante haver medidas de contenção social agora”, afirmou Greca.

“Eu não trabalhei com lockdown em nenhum momento. Eu trabalhei com isolamento social com responsabilidade. 80% da população me obedeceu. Agora estão meio cansados. Ontem 20 mil idosos andaram de ônibus. Fiquei furioso com eles. Esse vírus mata. Fiquem em casa”, pediu o prefeito, em entrevista ao lado do prefeito de Belém (PA), Zenaldo Coutinho (PSDB), que decretou lockdown na cidade.

Abaixo, confira as 10 cidades com maior índice de isolamento social no Paraná e as 10 que possuem o menor índice

Os 10 município que mais respeitam o isolamento social
(dados do dia 06 de maio de 2020, fornecidos pela In Loco)

Ariranha do Ivaí: 67%
Boa Esperança do Iguaçu: 63%
São Pedro do Paraná: 59%
Guaraqueçaba: 58%
Boa Vista da Aparecida: 57%
Porto Barreiro: 57%
Fernandes Pinheiro: 56%
Cafeara: 55%
Paula Freitas: 55%
Serranópolis do Iguaçu: 55%

Os 10 município que menos respeitam o isolamento social
(dados do dia 06 de maio de 2020, fornecidos pela In Loco)

Fênix: 23%
Altamira do Paraná:24%
Santa Mônica: 24%
Santo Antônio do Caiuá: 24%
Goioxim: 25%
São Jorge do Ivaí: 25%
Pitangueiras: 26%
Mato Rico: 27%
Califórnia: 28%
Lobato: 28%

Informações do Bem Paraná e CGN

TOPO