Bike Refran
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Dengue antes
Casa da cuca
Banner Yamaha
FarmaVidda
Cotidiano

Vítimas da Covid-19 são homenageadas em Cascavel

Um ato foi realizado na manhã desta sexta-feira (3) em Cascavel, no gramado em frente à Prefeitura para homenagear as vítimas da Covid-19 e alertar a população. Foram fixadas 54 cruzes, representando a quantidade de mortes causadas pela doença na cidade.

São dezenas de histórias de vida perdidas pela Covid-19 e centenas de familiares que vivem o luto pela perda de seus entes queridos.

O ato realizado pelo movimento “Cidadãos Cascavelenses na Luta pela a Vida” considera inadmissível que seja naturalizado o crescente número de casos e mortes em Cascavel e no Brasil, e simplesmente convertê-los em estatísticas.

Além de homenagear e alertar a população, o ato critica a empresários e governantes locais que negam a gravidade do momento e da necessidade do isolamento social.

Nos últimos dias, a população de Cascavel viu crescer a taxa de ocupação de leitos, tanto de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) quanto leitos de enfermaria. As unidades hospitalares do município trabalham em capacidade máxima para atender os pacientes contaminados pelo Coronavírus.

O grupo ainda critica o Prefeito Leonaldo Paranhos, que segundo o movimento, está negando às novas medidas restritivas do Governo Estadual para interromper a progressão acelerada das notificações e mortes, o que demonstra falta de compromisso e responsabilidade da prefeitura no combate a pandemia no município.

Segundo o último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde de Cascavel, o município contabiliza 3.142 casos confirmados da doença e 54 mortes pelo novo Coronavírus, o que representa taxa de letalidade de 1,7%.

Com informação da Catve
TOPO