Campanha Dengue
IPTU
Banner Dengue Pato Bragado
Entre Rios
FarmaVidda
Esportes

Em final equilibrada, Inter e Grêmio empatam sem gols no Beira-Rio

Está tudo em aberto no Campeonato Gaúcho. No domingo 14), Internacional e Grêmio fizeram um clássico bastante equilibrado, mas que terminou empatado sem gols no Beira-Rio. A decisão ficou para o jogo de quarta-feira, na Arena do Grêmio.

Por ter feito melhor campanha na fase classificatória, o Grêmio tem a vantagem de decidir diante do seu torcedor. Em caso de novo empate, a decisão vai para os pênaltis.

Para ficar com o título no tempo normal, o Inter precisa fazer o que ninguém ainda conseguiu no Campeonato Gaúcho: vencer o Grêmio. O time comandado por Renato Gaúcho tem 11 vitórias e cinco empates. Está invicto.

A partida começou com o Inter em cima do Grêmio e a primeira chance foi criada logo aos seis minutos em finalização de Nico López pela linha de fundo. Os colorados ainda reclamaram de dois pênaltis não marcados pelo árbitro Leandro Pedro Vuaden.

Depois do susto, o Grêmio conseguiu equilibrar as ações e apostava principalmente nas jogadas pelo lado esquerdo. Mas faltava acertar o último passe. Aos 21 minutos, Alisson passou por Patrick e chutou forte. A bola explodiu no travessão.

A resposta do Inter veio dez minutos depois. Patrick fez boa jogada individual e cruzou rasteiro. Guerrero bateu fraco e Paulo Victor fez grande defesa com os pés. Nos acréscimos, após uma dividida entre Matheus Henrique e Victor Cuesta, houve um princípio de confusão após o zagueiro ser cobrado por Renato Gaúcho.

Logo no início do segundo tempo, aconteceu uma polêmica envolvendo a arbitragem. Rodrigo Moledo alegou ter recebido uma cotovelada de André fora do lance e Leandro Pedro Vuaden foi chamado pelo VAR, mas optou por não expulsar o gremista.

Aos 20 minutos, Jean Pyerre passou por Edenilson e bateu com muito perigo. Na sequência, Everton invadiu a área e finalizou nas mãos de Marcelo Lomba. Empurrado pela torcida, o Inter partiu para cima do Grêmio nos minutos finais. Nico López recebeu de Guerrero e soltou a bomba para grande defesa de Paulo Victor. O goleiro gremista levou a melhor mais uma vez sobre o uruguaio aos 34 minutos.

No último lance de perigo do jogo, Patrick aproveitou cobrança de escanteio e cabeceou rente a trave. O empate pareceu mais justo, porém, um castigo para os mais de 45 mil torcedores que lotaram o Beira-Rio.

Com Estadão Conteúdo.

 

TOPO