Dengue Pato
Bike Refran
Prefeitura de Mercedes
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Dengue antes
Casa da cuca
Banner Yamaha
FarmaVidda
Esportes

Grêmio leva susto no fim, mas supera CSA em casa e entra no G-4

Em um jogo que teve um final alucinante, o Grêmio emplacou a quarta vitória seguida na noite da quinta-feira (07), ao vencer o CSA, por 2 a 1, na Arena do Grêmio, e terminou a 31ª rodada no G-4 do Campeonato Brasileiro.

Beneficiado pela derrota do São Paulo para o Fluminense, em pleno Morumbi, por 2 a 0, o Grêmio assumiu a quarta colocação, com 53 pontos. Na outra parte da tabela, o CSA conheceu a sétima derrota seguida como visitante e estacionou nos 29 pontos, em 18º lugar, ainda dentro da zona de rebaixamento.

Como já era esperado, o Grêmio começou a partida em cima do CSA e precisou de apenas sete minutos para abrir o placar. Everton recebeu dentro da área e cruzou rasteiro para Diego Tardelli só completar. Antes, Luciano havia finalizado cruzado e ninguém desviou.

O time gaúcho continuava tendo mais posse de bola e quase ampliou aos 22 minutos. Didira saiu jogando errado e Luciano passou para Alisson chutar forte. João Carlos fez boa defesa. Depois disso, o Grêmio diminuiu o ritmo.

O CSA parecia sentir muita falta de Apodi, poupado por Argel Fucks, e criou apenas uma chance nos primeiros 45 minutos. Euller tabelou com Didira e soltou a bomba com muito perigo.

Em vantagem no placar, o Grêmio voltou do intervalo com a mesma postura e assustou aos sete minutos. Após desarmar João Vitor, Maicon viu João Carlos adiantado e tentou por cobertura. A bola saiu pela linha de fundo.

A resposta do CSA veio na sequência, quando Jean Cléber aproveitou rebote da zaga tricolor e bateu para defesa de Paulo Victor. Depois de levar alguns sustos, o Grêmio passou a administrar a posse da bola no campo de ataque.

Aos 36, Everton cruzou na marca do pênalti e Pepê cabeceou para fora. A partida ficou aberta nos minutos finais. Jean Cléber aproveitou ajeitada de Ricardo Bueno e bateu por cima.

O melhor ficou guardado para o final. Aos 44, Rafinha cobrou falta, a barreira abriu e a bola entrou no canto de Paulo Victor. O empate, porém, durou apenas três minutos. Everton cruzou e Ronaldo Alves desviou contra o próprio gol aos 47 minutos.

Os dois times voltam a campo no domingo, às 19 horas, pela 32ª rodada. O Grêmio enfrenta a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó (SC). O CSA recebe o Vasco, no estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).

FICHA TÉCNICA:

GRÊMIO 2 x 1 CSA

GRÊMIO – Paulo Victor; Léo Moura, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon (Rômulo), Matheus Henrique, Alisson (Pepê), Luciano e Everton; Diego Tardelli (Patrick). Técnico: Renato Gaúcho.

CSA – João Carlos; Celsinho, Alan Costa, Ronaldo Alves e Euller (Ricardo Bueno); João Vitor, Jean Cléber e Didira (Bruno Alves); Warley, Alecsandro e Bustamante (Rafinha). Técnico: Argel Fucks.

GOLS – Diego Tardelli, aos 7 minutos do primeiro tempo. Rafinha, aos 44, e Ronaldo Alves (contra), aos 47 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – José Mendonça da Silva Junior (PR).

CARTÕES AMARELOS – Kannemann e Maicon (Grêmio); Alan Costa e Bruno Alves (CSA).

RENDA – R$ 304.304,00.

PÚBLICO – 11.334 pagantes.

LOCAL – Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Com informação Agência Estado

TOPO