Bike Refran
Ortocolchões
Sandras Publi
Casa da cuca
JR color
Banner Yamaha
FarmaVidda
Esportes

Pioneiro Isidoro Müller será homenageado com nome de rua em Iguiporã

Na sessão ordinária desta semana, o Poder Legislativo de Marechal Cândido Rondon aprovou em definitivo o projeto de lei 20/2020, de autoria dos vereadores Nilson Hachmann e Pedro Rauber. A proposta aprovada altera a denominação da Rua Botafogo, localizada na zona urbana do distrito de Iguiporã, para Rua Isidoro Roque Müller.

Segundo os vereadores autores do projeto de lei, a homenagem se justifica em razão do envolvimento e liderança que o pioneiro teve, principalmente no setor esportivo.

Isidoro Roque Müller nasceu em Peritiba (SC) em 11 de novembro de 1947. Ainda jovem mudou-se para o Paraná, vindo a residir em Iguiporã. Casou-se com Lourdes em 29 de setembro de 1973 e, desta união, nasceram Marcos, Marcelo, Rafael e Fernanda.

Em meados de 1977, a família mudou para o distrito rondonense de Bom Jardim, onde Isidoro passou a trabalhar em um comércio local. Já em 1978, o casal e dois filhos voltaram para Iguiporã, onde abriram o próprio negócio, em sociedade com Luiz Lizzoni: a empresa Comercial Müller & Lizzoni. Além disso, Isidoro também era motorista de caminhão e fazia fretes de ração e suínos.

Já com a família formada, Isidoro foi comerciante conhecido até meados de 1990, quando passou a trabalhar apenas com os fretes de suínos

Futebol

Conforme Nilson e Pedro, uma das grandes paixões do homenageado era o futebol. Desde muito jovem, jogou em times amadores da região, como Ouro Verde, Real, União e Bom Jardim. Exímio cabeceador e batedor de pênaltis, conquistou vários títulos.

Infelizmente, uma lesão no joelho o tirou dos campos ainda jovem, mas nada lhe tirava o sonho que se concretizaria anos depois: ver algum de seus filhos atuando como jogador profissional, o que aconteceu com Rafael, duas vezes campeão da Série Ouro de Futsal pelo Cascavel.

Foi então que dedicou parte da sua vida aos meninos da região que compartilhavam da sua paixão pelo futebol. Isidoro reunia os pequenos jogadores na quadra de esportes de Iguiporã e treinava-os para competições locais e municipais. Os que se destacavam eram levados também para treinar na AACC, para disputar inclusive campeonatos estaduais.

Isidoro acompanhou os times da AACC em campeonatos estaduais a partir de 1986, nas cidades de Londrina, Curitiba, Floraí.

Além do comércio e do esporte, Isidoro foi sempre muito atuante na comunidade de Iguiporã, fazendo parte da diretoria da Igreja Católica e também da APMF da escola, além de colaborar em diversos eventos comunitários.

Em 2000, a família mudou-se para a sede municipal, onde ele passou a trabalhar para a Trans-Kerber como entregador de ração.

No último dia 26 de maio, ele sofreu uma queda enquanto trabalhava e, em 16 de junho, após passar mal, foi internado no Hospital Bom Jesus em Toledo, onde foi constatada hemorragia interna. Após passar por cirurgia para retirada do baço ele ficou internado em UTI, não resistindo, vindo a falecer em 08 de julho, aos 72 anos.

 

TOPO