Setembro
Núcleo 09
Dengue Pato
Bike Refran
Maquininhas
Prefeitura de Entre Rios do Oeste
Nucleo
Banner Yamaha
FarmaVidda
Policial

Acusado de esfaquear e depois queimar a ex-mulher em Cascavel vai a Júri Popular

Show

O Fórum de Justiça de Cascavel vai julgar o caso do homem acusado de matar a ex-mulher, Maria Aparecida dos Santos Damásio de 47 anos.

O crime aconteceu em 25 de novembro de 2012 na Rua Ponta Grossa, Jardim Gramado, em Cascavel. Segundo o IML (Instituto Médico-Legal), a mulher foi esfaqueada e queimada ainda viva.

A investigação revelou que a mulher foi surpreendida pelo ex-companheiro quando ela estava deitada na cama com a filha de quatro anos.

Corpo de Maria foi queimado na sala da residência. A investigação apontou também que o crime foi motivado porque o homem não aceitava o fim do relacionamento.

Se condenado, o homem deve responder por homicídio qualificado. Segundo o Promotor de Justiça, Guilherme Gomes, o réu responde o processo em liberdade. “Depois de cinco anos do crime ele está em liberdade, mas respondeu boa parte do processo preso, ele foi solto a pouco tempo, após decisão do STJ.”

O acusado não deve responder por feminicídio, pois a lei entrou em vigor em 2015 e o crime aconteceu em 2012.

Com informação da Catve

TOPO