Setembro
Núcleo 09
Dengue Pato
Bike Refran
Maquininhas
Prefeitura de Entre Rios do Oeste
Ortocolchões
Nucleo
Campanha Dengue
Banner Yamaha
FarmaVidda
Política

Arion questiona sobre controle de entrada e saída em escolas e creches municipais

O Poder Legislativo de Marechal Cândido Rondon aprovou, ontem (16), requerimento do vereador Arion Nasihgil. Ele pede informações da Prefeitura sobre o horário de abertura e fechamento dos portões dos educandários municipais, bem como sobre a vigilância dos alunos na entrada e na saída das aulas.

Conforme o vereador, ele tem recebido reclamações por parte de pais de alunos que afirmam que, em algumas oportunidades, crianças ficam sozinhas, sem qualquer tipo de vigilância, ao chegar e sair do período de aula. “Caso isso esteja acontecendo, coloca em iminente risco a segurança das mesmas”, avalia.

Entre outras questões, deve ser informado ao Poder Legislativo sobre qual o horário de início e término das aulas; se há professor ou outro servidor vigiando entrada e saída dos alunos; se a Secretaria Municipal de Educação já recebeu reclamações de crianças que ficaram sozinhas aguardando seus pais, especialmente após o término das aulas, sem que nenhum professor ou outro servidor as acompanhassem; e se se existe previsão de estender os horários de vigilância sobre as crianças no início e no final de cada turno.

De outra parte, também por meio de requerimento Arion questiona a administração municipal sobre o funcionamento do Programa Hiperdia no Centro Integrado de Saúde (CIS). Este programa nacional é destinado ao acompanhamento de portadores de hipertensão ou diabetes mellitus atendidos pelo SUS.

“Contudo, nos últimos tempos temos recebido reclamações, especialmente de idosos, que afirmam não estarem recebendo o devido atendimento pelo programa junto ao CIS, localizado na antiga Unidade de Saúde 24 Horas. Assim, tal situação tem causado preocupação, não apenas pela ausência de atendimento, mas também pela falha que tais deficiências, se de fato estiverem ocorrendo, podem acarretar junto ao sistema público de saúde local, prejudicando o tratamento de hipertensos e diabéticos”, justifica.

Um terceiro requerimento de autoria de Arion é um pedido de informações para o Executivo Municipal, sobre as placas de sinalização recentemente instaladas ao longo de ruas e avenidas indicando os caminhos para unidades de saúde, hospitais e clínicas médicas, prédios governamentais, escolas, unidades policiais, locais turísticos, entre outros pontos.

Arion indica que tais placas são de difícil visibilidade, por terem sido mal confeccionadas ou colocadas em locais inadequados. Por meio do requerimento, ele pretende buscar uma solução para o problema.

O vereador Arion ainda é autor de outros dois requerimentos assinados em conjunto com Adriano Cottica. Um deles é para que a Prefeitura informe o Poder Legislativo a respeito de quem é a responsabilidade pelos acessos rodoviários à sede rondonense. Os vereadores justificam o pedido em razão das várias solicitações já apresentadas pela Câmara referente a melhorias nestes locais, sendo que poucas são atendidas.

Eles citam como exemplo a instalação de iluminação mais eficiente e também de sinalização em locais como os trevos sob os viadutos da BR-163, que dão acesso às Avenidas Maripá e Irio Jacob Welp e a outros bairros e estradas.

“Muito se discute acerca da competência e da responsabilidade pela implementação de melhorias em tais locais, ora apontando ser do Município e ora do Governo Federal”, relatam. Com este esclarecimento, os vereadores pretendem dar o encaminhamento correto a futuros pleitos.

Outro requerimento de autoria dos dois vereadores é um pedido de informações à Prefeitura sobre os medicamentos fornecidos na Farmácia Básica de Saúde. Deve ser informado à Câmara a lista de medicamentos e o atual estoque unitário.

E em indicação em conjunto com Vanderlei Sauer, Arion solicita à Prefeitura que realize diversas melhorias no parquinho localizado na praça do distrito de Margarida, conforme indicação já apresentada em junho desse ano, sem que as sugestões fossem atendidas.

TOPO