Agosto Azul Marechal
Banner Agita Rondon 2019
Agosto Azul
núcleo 2
Nucleo
Dengue Mercedes julho
Banner Yamaha
IPTU
Banner Dengue Pato Bragado
Entre Rios
FarmaVidda
Política

testemunha não é encontrada e juíza adia interrogatórios

A ausência de uma testemunha no Fórum de São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba, fez a juíza Luciani Regina Martins de Paula adiar, no começo da tarde desta terça-feira (13), os interrogatórios do Caso Daniel.

A testemunha é jornalista de uma emissora de TV e seria ouvida antes dos sete réus. Com a ausência, os interrogatórios foram remarcados para os dias 4, 5 e 6 de setembro.

O depoimento do jornalista é um pedido da defesa da família Brittes. A juíza Luciani Regina chegou a intimar o jornalista pela manhã, mas ele não foi encontrado.

Com uma contradição em depoimentos prestados anteriormente, a juíza optou por ouvir a testemunha para saber como a emissora de TV teve acesso ao celular de Cristiana Brittes.

Diante do adiamento, o advogado Rodrigo Faucz vai pedir a liberdade de David Willian Vollero Silva e Ygor King por excesso de prazo.

“Como não fomos nós que demos causa ao adiamento, queremos a liberdade provisória, para que aguardem ao resto do processo em liberdade. Como os dois tiveram um papel secundário no crime, esse adiamento é prejudicial para nós”, disse.

O pedido será feito por escrito para análise da juíza de São José dos Pinhais.

Com informação da Catve.com

TOPO