Dengue Pato
Bike Refran
Prefeitura de Mercedes
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Dengue antes
Casa da cuca
IPTU
Banner Yamaha
FarmaVidda
Cotidiano

Centro de Operações Emergenciais de Marechal Rondon decide pela abertura do comércio nesta terça-feira (31)

Em reunião concluída há pouco, na sala de reuniões do gabinete, ficou definido que continuará valendo em Marechal Rondon, o decreto 088/2020. Com isso, o comércio em geral poderá abrir amanhã, terça-feira, dia 31, obedecendo as regras contidas no documento.

 

A decisão foi tomada por membros do COE (Centro de Operações Emergenciais), que é composto por servidores da administração municipal, equipe de profissionais da vigilância sanitária, médicos, conselhos municipais, forças policiais, Corpo de Bombeiros, e entre outros.

 

Vale lembrar que a exceção permanecerá ainda para academias de ginástica, de musculação, de natação, de artes marciais, dos estúdios de pilates, de yoga e similares e das casas noturnas, pubs, lounges, tabacarias, boates e congêneres.

 

O prefeito Marcio Rauber destaca que com a abertura do comércio, a fiscalização de todos será feita rigorosamente. Para o atendimento ao público, os comerciantes deverão adotar todas as medidas de cautela visando restringir, ao máximo, a transmissão comunitária do COVID-19, dispondo barreiras, física ou humana, para controle de ingresso e redução de fluxo de pessoas no interior dos estabelecimentos. Obriga-se a disponibilizar, a todos os clientes e funcionários, álcool gel antisséptico a 70% ou locais para higienização das mãos, com orientações sobre a importância dessa medida, em local visível e de fácil identificação, recomendando-se, ainda, concedam trabalho remoto aos colaboradores que integram grupo de risco.

 

Na entrada de todos os estabelecimentos deverá ser promovida a desinfecção com hipoclorito de sódio (água sanitária) e adotadas medidas de manutenção de ambiente ventilado, higienização constante do ambiente.

 

RESTAURANTES

Os restaurantes e estabelecimentos congêneres deverão prestar atendimento ao público no local, somente para o almoço, com exigência de aumento do espaço entre as mesas e redução de sua capacidade de lotação e de atendimento em, no mínimo, 50%,com higienização constante do mobiliário, utensílios e demais equipamentos e espaços.

 

No horário noturno, os restaurantes, pizzarias, food trucks e estabelecimentos congêneres, poderão prestar atendimento somente mediante retirada no local, tele entrega, delivery ou forma similar, com funcionamento limitado até às 23 horas.

 

TOPO