Bike Refran
Ortocolchões
Sandras Publi
natal
covid pato
Banner Yamaha
Cotidiano

CoronaVac pode impedir todos os casos de hospitalização, diz governo Doria

Conforme dados divulgados pelo Governo do Estado de São Paulo na terça-feira (12), em entrevista coletiva, a vacina CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan, tem aproximadamente 78% de eficácia. Isso para os casos leves, em que há necessidade de assistência, mas a hospitalização não é necessária.

O número varia para 100% quando os casos são graves, em que o paciente precisa ser encaminhado para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), ou moderados, em que ele apenas precisa ser hospitalizado. No geral, o imunizante pode prevenir todos os casos da doença em que haja necessidade de ir ao hospital.

Nos casos em geral, em que são englobados os leves, moderados, graves e muito leves, a vacina tem eficácia comprovada de 50,38%. Apesar de parecer baixa, a porcentagem dos casos que o produto do Instituto Butantan previne se equipara à vacina contra a gripe normal, que não supera 50%. Em anos bons, os números variam de 50% a 60%, mas em 2018, por exemplo, a eficácia não ultrapassou 25%, menos da metade da CoronaVac.

TV Cultura
TOPO