Setembro
Núcleo 09
Dengue Pato
Bike Refran
Maquininhas
Prefeitura de Entre Rios do Oeste
Nucleo
Banner Yamaha
FarmaVidda
Cotidiano

Mulheres vão ter aulas gratuitas de defesa pessoal na Casa da Mulher Brasileira

Show

A aula inaugural do curso sobre defesa pessoal para mulheres, na Casa da Mulher Brasileira, aconteceu nesta sexta-feira (16) e contou com a presença do lutador Maurício Shogun, do Instituto Shogun Rua. O prefeito Rafael Greca também participou do lançamento da ação, que irá ofertar as aulas de forma gratuita para o público feminino.

A primeira turma vai ter início no dia 22 de agosto e já está com as vagas completas. As aulas gratuitas são para mulheres a partir de 18 anos, incluindo mulheres com deficiência, mulheres transsexuais e transgêneros.São 20 vagas e a duração do curso é de um mês. As aulas acontecerão nas terças e quintas-feiras, das 15h às 16h, na Casa da Mulher Brasileira.

De acordo com o prefeito Rafael Greca, o projeto tem duas vertentes. Uma é o treinamento físico para as mulheres aprenderem a se defender e a outra é a consciência dos seus direitos.

As primeiras turmas vão acontecer na Casa da Mulher Brasileira. Mas o projeto irá para todas as regionais da cidade.

Vanessa Volpi, procuradora-geral do Município de Curitiba, foi quem teve a ideia de ofertar aulas de defesa pessoal para as mulheres curitibanas. “Soube de um caso de uma mulher que sofreu violência sexual e ficou tão traumatizada que tem medo de sair na rua. As mulheres irão se sentir mais seguras em ambientes públicos e em casa”, disse Vanessa.

Violência doméstica

Durante o treinamento, as alunas serão com relação aos tipos de violência doméstica previstas na Lei Maria da Penha, os canais de denúncia e os serviços da Prefeitura, como a Casa da Mulher Brasileira e a Pousada de Maria.

Defesa pessoal

Professores do Instituto Shogun Rua irão ensinar movimentos básicos de defesa pessoal. Além disso, a Assessoria de Direitos irá dar informações de prevenção à violência para mulheres.

A próxima turma será em setembro e as inscrições podem ser feitas pelos telefones: 3221-2714 ou 3321-2739.

O curso é uma parceria entre Prefeitura de Curitiba e Instituto Shogun, por meio da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude (Smelj) e Assessoria de Direitos Humanos e Política para Mulheres.

A primeira turma do curso de defesa pessoal terá cinco mulheres com deficiência. Três mulheres cegas, uma surda e uma cadeirante.
Denise Moraes, diretora do Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Prefeitura de Curitiba, explica a importância de incluir mulheres com deficiência nesta iniciativa.

Não à Violência Contra a Mulher

Durante o evento, o prefeito Rafael Greca também fez o lançamento da cartilha “Diga não à Violência Contra a Mulher”. A publicação contém informações sobre os tipos de violência: sexual, psicológica, moral, física e patrimonial.

A cartilha será divulgada em capacitações que ocorrerão nas dez Administrações Regionais da cidade, ainda no segundo semestre. O público alvo será de servidores, líderes comunitários e entidades não-governamentais.

O objetivo é ensinar as mulheres a identificar sinais de violência e orientar outras mulheres quanto aos serviços de atendimento e proteção à mulher da Prefeitura.

Banda B

TOPO