Bike Refran
Ortocolchões
Sandras Publi
natal
covid pato
Banner Yamaha
Esportes

Em casa, Athletico-PR leva empate do River Plate no fim pela Libertadores

O Athletico-PR perdeu grande chance de sair em vantagem nas oitavas de final da Copa Libertadores ao levar o empate do River Plate por 1 a 1, aos 45 minutos do segundo tempo, na terça-feira (24), na Arena da Baixada, em Curitiba. Bissoli fez para os brasileiros e Paulo Díaz anotou para os argentinos.

Na terça-feira que vem, às 19h15, River Plate e Athletico-PR decidirão a vaga para as quartas de final em Buenos Aires. O vencedor avançará de fase. O River Plate ainda jogará pelo 0 a 0, enquanto o Athletico se classificará com igualdadades por 2 a 2 em diante. Em caso de novo 1 a 1, a decisão será nos pênaltis.

O Athletico perdeu uma grande chance logo aos 3 minutos. Richard, mesmo da marca da cal e de frente para o gol, isolou a bola. Aos 20, Léo Cittadini levou uma ombrada de Sosa e perdeu parte de um dente. Ele saiu sangrando de campo, mas conseguiu voltar.

O River Plate chegou aos 25 minutos em boa jogada de Matías Suárez, mas Bento fez a defesa em dois tempos. O goleiro do Athletico voltou a aparecer aos 33, quando deu um tapa para tirar a bola cabeceada por Paulo Díaz.

No segundo tempo, brilhou a estrela do experiente técnico Paulo Autuori. Ele voltou com Bissoli na vaga de Renato Kayzer e a rede balançou. Aos 12 minutos, Erick lançou Bissoli que dominou no peito e chutou rasteiro para abrir o marcador. Aos 21, porém, o Athletico ficou com um a menos. Reinaldo fez falta de Enzo Pérez e foi expulso após receber o segundo amarelo.

Aos 39 minutos, o River Plate conseguiu boa chance ao acertar a trave do Athletico em cabeceio de Matías Suárez. E aos 45, Paulo Díaz aproveitou escanteio batido e fez de cabeça para deixar tudo igual.

FICHA TÉCNICA
ATHLETICO-PR 1 X 1 RIVER PLATE

ATHLETICO-PR – Bento; Erick, Pedro Henrique, Thiago Heleno e João Victor (Aguilar); Richard (Lucho González), Wellington e Léo Cittadini; Carlos Eduardo (Walter), Reinaldo e Renato Kayzer (Bissoli). Técnico: Paulo Autuori.

RIVER PLATE – Armani; Montiel, Paulo Díaz, Pinola e Casco (Lucas Pratto); Ignacio Fernández, Sosa, Enzo Pérez e De La Cruz (Carrascal); Borré (Julián Álvarez) e Matías Suárez. Técnico: Marcelo Gallardo.

GOLS – Bissoli, aos 12 e Paulo Díaz, aos 45 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Andrés Rojas (Colômbia).

CARTÕES AMARELOS – Léo Cittadini, Carlos Eduardo e Reinaldo (Athetico-PR).

CARTÃO VERMELHO – Reinaldo (Athletico-PR).

RENDA e PÚBLICO – Portões fechados.

LOCAL – Arena da Baixada, em Curitiba (PR).

Com informação Agência Estado

TOPO