Bike Refran
Prefeitura de Mercedes
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Miss Pato Bragado
Campanha Dengue
Banner Yamaha
FarmaVidda
Esportes

Em jogo com dois pênaltis, Atlético vence Uberlândia na estreia no Mineiro

O Atlético-MG abriu a temporada 2020 com uma vitória magra e graças a dois pênaltis. Com um convertido por Fábio Santos e outro defendido por Michael, ambos no primeiro tempo, derrotou o Uberlândia por 1 a 0, no Parque do Sabiá, pela rodada inicial do Campeonato Mineiro, na terça-feira (21).

O triunfo foi o resultado de uma atuação apagada do Atlético, com baixa produção ofensiva diante de um adversário que retornou à elite estadual neste ano e teve bom desempenho, embora falhando nas finalizações, a principal delas com Felipe Alves, que parou em Michael em cobrança de pênalti.

Aos 24 anos, o goleiro atleticano fez a sua estreia pelo clube e foi um dos novatos que chamou a atenção positivamente na estreia em 2020. Além deles, Hyoran, emprestado pelo Palmeiras, sofreu o pênalti convertido por Fábio Santos. E Allan, principal destaque do time na partida, com boa distribuição do jogo e chegada constante ao campo de ataque.

O JOGO – Na estreia do técnico Rafael Dudamel, o Atlético atuou com uma formação de três volantes – Zé Welison, Jair e Allan -, algo que também foi influenciado pela ausência do meia equatoriano Cazares, que pode estar de saída do clube. Além disso, teve uma novidade na zaga: de volta após empréstimo ao Botafogo, Gabriel ganhou a vaga de Igor Rabello, atuando ao lado do capitão Réver. Michael foi o goleiro titular, pois Victor ainda aprimora a forma física. Já entre os quatro reforços que chegaram ao time, dois começaram atuando: Hyoran e Allan.

O esquema deu liberdade a Jair e Allan, levando o Atlético a dominar o começo da etapa inicial. E o primeiro gol da equipe na temporada teve origem em um boa trama do ataque, que começou com drible de Allan em dois jogadores do Uberlândia e terminou com pênalti em Hyoran, que foi derrubado na grande área por Rogério. Na cobrança, aos 22 minutos, Fábio Santos bateu no canto direito, fazendo 1 a 0 e chegando aos 19 gols pelo clube, sendo 16 em pênaltis.

Só que a partida não ficou mais fácil para o Atlético com o placar favorável, tanto que o Uberlândia teve três boas chances para marcar no fim do primeiro tempo. Wandinho só não marcou aos 40 porque Gabriel tirou a bola em cima da linha. Aos 41, Michael brilhou em sua estreia entre os profissionais ao defender pênalti cobrado por Felipe Alves. E, aos 45, o gol de Diogo Peixoto foi anulado por impedimento.

O cenário de maior volume de jogo do Uberlândia se repetiu na etapa final, especialmente nos primeiros minutos, quando esteve próximo de empatar o duelo ao menos duas vezes, aos cinco, em finalização de Dija Baiano e aos nove, em cabeceio de Felipe Alves. Depois disso, o ritmo do jogo caiu, até pelo desgaste físico dos atleticanos, que ainda assim conseguiram sustentar o placar de 1 a 0 sem maiores sustos.

No outro jogo desta terça-feira que abriu o Campeonato Mineiro, Coimbra e URT empataram por 1 a 1. O Atlético voltará a jogar no domingo, quando receberá o Tupynambás no Independência. Um dia antes, o Uberlândia buscará a reabilitação contra a Caldense, no Ronaldão.

Com informação Agência Estado

TOPO