Geral Marechal

Devido ao grande número de casos de dengue em Marechal Rondon, equipes da vigilância passam veneno nesta madrugada para combater

Devido o número grande de casos registrados em nossa cidade, equipes estão passando veneno com uso de uma bomba nesta madrugada de sexta-feira (24) de junho, em algumas ruas, pela Rua Paraíba, Rua Presidente Costa e Silva e nestes locais próximos.

24/06/2022 05h52 Atualizada há 2 dias
Por: Marcio Cerny Fonte: Marechal News
Fotos: Marcio Cerny / Marechal News
Fotos: Marcio Cerny / Marechal News

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do setor de Epidemiologia, confirma o primeiro óbito em decorrência de dengue em Marechal Cândido Rondon no ano epidemiológico 2021/2022.

A informação consta no boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado na terça-feira (07) de junho.

Trata-se de um senhor de 63 anos, cujos sintomas iniciaram no dia 24 de abril com: febre, agitação, falta de ar e desidratação. Ele se dirigiu ao Hospital Municipal em 26 de abril, mesma data do exame positivo para dengue.

O rondonense permaneceu em ventilação mecânica na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), cujo óbito foi registrado no dia 10 de maio. Tinha como comorbidades: Cardiopatia, Acidente Vascular Cerebral (AVC) Prévio e Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica.

O relatório pode ser conferido no endereço: https://www.dengue.pr.gov.br/.../anexo_1_dengue_se_22....

Devido o número grande de casos registrados em nossa cidade, equipes estão passando veneno com uso de uma bomba nesta madrugada de sexta-feira (24) de junho, em algumas ruas, pela Rua Paraíba, Rua Presidente Costa e Silva e nestes locais próximos.

A equipe do Site Marechal News acompanhou os trabalhos nesta madrugada.

Veja fotos e vídeos.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.