Geral Brasil

Cerca de 5 milhões de pessoas ainda precisam realizar a prova de vida do INSS

Procedimento que serve para combater fraudes e garantir a manutenção dos pagamentos

21/09/2021 12h44
Por: Marcio Cerny Fonte: Catve/TV Cultura
Foto: reprodução/ INSS
Foto: reprodução/ INSS

Um levantamento feito pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) apontou que 4.979.617 pessoas ainda precisam fazer a prova de vida até o final deste ano. Dos 36.238.880 beneficiários, 31.259.263 já fizeram o procedimento.

No último ano, o órgão suspendeu a obrigatoriedade do procedimento devido à pandemia de Covid-19. Apenas 6,5 milhões de pessoas realizaram a prova de vida em 2020. O processo voltou a ser exigido no dia 1° de junho deste ano.
A prova de vida é utilizada para combater fraudes e garantir a manutenção dos pagamentos. O procedimento é obrigatório para aposentados e pensionistas que recebem os valores em conta corrente, poupança ou cartão magnético.

De acordo com o calendário, os segurados têm até o dia 30 de setembro de 2021 para realizar a comprovação e continuar recebendo os benefícios.
O segurado pode consultar a necessidade de realizar o procedimento no banco em que recebe o benefício, pelo aplicativo do Meu INSS, caso tenha biometria facial ou através do telefone 135.

A prova de vida pode ser realizada no banco do segurado, em caixas eletrônicos ou aplicativos para celular ou internet, caso haja a possibilidade. Para beneficiários que não tenham condições de se mover, ou tenham mais de 80 anos, é possível fazer o procedimento em domicílio, através da visita de um funcionário do INSS, ou por meio de procuração.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.