Associação Bragadense de Catadores comemora um ano com saldo de 25 toneladas/mês de reciclados

Associação Bragadense de Catadores (ABC) comemorou na segunda-feira (05), um ano de atividades na Unidade de Valorização de Reciclados (UVR), construída pela administração de Pato Bragado e Itaipu Binacional.

 
O início não foi nada fácil. Ainda em processo de estruturação, a ABC foi prejudicada pela pandemia, o baixo valor dos materiais e a escassez de resíduos destinados à associação. No entanto, esse panorama foi se alterando com o passar dos meses. É o que revela a técnica da ABC, Claudireni Staadlober. “Estamos em um caminho de evolução progressiva. Vemos que a população está cada vez mais consciente da necessidade de separação do lixo orgânico e reciclável. O valor do material melhorou e a demanda de reciclado que hoje chega à associação é cerca de 25 toneladas mês, aumentando, assim, os postos de trabalho e a renda dos catadores”, conta. 

A tesoureira da ABC, Janete Lúcia Kist garante que a sua vida e dos demais catadores, oito no total, melhorou 100%. “Temos muito trabalho e no final do dia estou cansada, mas recompensada e deito a minha cabeça no travesseiro à noite com o sentimento de dever cumprido, de orgulho de ser catadora e trabalhar na ABC”, enaltece. 
 
A Associação já conseguiu comprar um veículo e hoje as coletas ocorrem por conta própria em grandes geradores, empresas, na zona rural e na cidade. A prefeitura também colabora com a coleta nas quartas-feiras, por intermédio de uma empresa contratada.  

Nesse sentido, o prefeito Leomar Rohden, o Mano menciona que está muito feliz por saber que mais uma parceria estabelecida com a Itaipu está dando os melhores resultados possíveis.  “Estamos muito satisfeitos e queremos compartilhar isso com a técnica, a Claudireni e as famílias da ABC”, declara. 

Para o prefeito esse sucesso é resultado de um trabalho incansável em benefício do meio ambiente e do município. Junto com meu vice-prefeito, o John que também é o secretário de Saúde, Mano parabeniza a associação pela organização e o planejamento que possuem. Da mesma forma pelo incentivo à conscientização das pessoas em prol da reciclagem, agregando valor e renda.

Fotos



Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!