Foto: CGN

Caminhoneiro vítima de sequestro do caso do Scania roubado em Toledo presta depoimento na delegacia

Uma ocorrência registrada no início da madrugada desta terça-feira (25) no Trevo Cataratas chamou a atenção dos moradores da região pelos vários disparos de arma de fogo.

 
Um caminhão Scania de Toledo que teria sido roubado foi interceptado por policiais militares na BR-277 nas proximidades do Trevo. 


 
O caminhoneiro vítima de sequestro veio até a 15ª SDP (Subdivisão Policial) para prestar depoimento sobre o caso.

De acordo com novas informações repassadas pela Polícia Militar, o acompanhamento tático da PM começou em Toledo. Um funcionário da empresa de rastreamento do caminhão teria percebido que o veículo havia saído da rota prevista.

Ele teria repassado informações sobre a localização do caminhão para a polícia militar de Toledo, o veículo teria sido tomado em assalto na BR-163 nas proximidades do Contorno Oeste.

 
O motorista do caminhão foi feito refém, os suspeitos estavam armados e encapuzaram a vítima, que posteriormente foi abandonada em um trecho de matagal.

Os bandidos rodaram durante horas com o caminhão que estava carregado com soja. A carga foi descartada em algum local ainda não identificado pela polícia que segue fazendo buscas.

A polícia militar de Toledo localizou o caminhão trafegando pela BR-467 vindo em direção à Cascavel. O acompanhamento tático foi feito até próximo ao Trevo Cataratas.

 
Equipes da UPS Norte e da Patrulha Rural do 6º BPM (Batalhão de Polícia Militar) de Cascavel prestaram suporte na ocorrência, interceptando com êxito o caminhão Scania.

O assaltante de 43 anos de idade natural de Cascavel que estava dirigindo o caminhão, foi detido pelos policiais e encaminhado à 15ª SDP (Subdivisão Policial).

Investigações seguem sendo feitas para solucionar o crime.

Com informação da CGN

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!