Ceará vence Bolívar e termina rodada na liderança do Grupo C da Sul-Americana

O Ceará disparou na liderança do Grupo C da Copa Sul-Americana e encaminhou a classificação às oitavas de final, ao derrotar o Bolívar por 2 a 0, na noite de quinta-feira (20), na Arena Castelão, pela quinta rodada. Os gols foram marcados por Lima e Vina.

 
Com o resultado, o Ceará chegou aos nove pontos, na primeira posição. O Arsenal, que bateu o Jorge Wilstermann, na quarta, por 2 a 1, é o segundo, com oito. O Bolívar é o terceiro, com seis. O Jorge Wilstermann fecha o grupo, com dois, sendo o único eliminado até o momento. 

 
O primeiro tempo foi de um time só. Longe da altitude, o Bolívar sequer ameaçou o goleiro Richard, diferente do Ceará, que teve a posse de bola, criou, mas demorou para ser efetivo. O meia Vina foi quem ditou o ritmo do jogo e colocou o goleiro Cordano para trabalhar. O arqueiro fez importantes defesas para impedir um placar elástico em favor do time brasileiro.

Além de Vina, Lima teve grande destaque no primeiro tempo e apareceu em diversas oportunidades como o elemento surpresa no setor ofensivo do Ceará. Em uma dessas chances, acabou abrindo o placar. Aos 43 minutos, Mendonza fez grande jogada e deixou para Vina, que ajeitou para Lima estufar as redes.

 
No segundo tempo, o Ceará continuou dominado, mas se acomodou e viu o Bolívar ameaçar. Aos 12 minutos, Saavedra recebeu belo passe, cortou a marcação e exigiu grande defesa do goleiro Richard. Do lado brasileiro, Vina continuou sendo o jogador mais ligado na partida.

Foi dele, inclusive, que saiu o segundo gol. Vina foi derrubado dentro da área, e o árbitro assinalou pênalti. Ele mesmo foi para a cobrança e marcou aos 38 minutos. Com uma bela vantagem, o Ceará se fechou, conteve os avanços do Bolívar e acabou confirmando três pontos importantes na Sul-Americana.

Na próxima rodada, o Ceará enfrenta o Jorge Wilstermann na quinta-feira, às 19h15, no estádio Félix Carpriles, na Bolívia. No mesmo dia e horário, o Bolívar desafia o Arsenal de Sarandí, no Julio Grondona, na Argentina.

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!