Com ultrapassagem no fim, Félix da Costa vence etapa de Mônaco da Fórmula E

Com uma grande ultrapassagem na volta final, o português António Félix da Costa venceu a etapa de Mônaco da Fórmula E, no sábado (08), nas ruas de Montecarlo. O piloto da equipe DS Techeetah superou o neozelandês Mitch Evans nos últimos metros ao aproveitar a falta de bateria no carro do rival. Evans terminou em terceiro porque também foi ultrapassado pelo holandês Robin Frijns, segundo colocado na classificação final.

 
Foi a primeira vitória do português, atual campeão da categoria de carros elétricos, nesta temporada. Com o resultado, ele reagiu no campeonato e subiu para o quarto posto geral, com 52 pontos, dois atrás de Evans. A liderança está com Frijns, com 62. O também holandês Nyck De Vries é o segundo colocado, com 57. O brasileiro mais bem colocado na classificação geral é Lucas di Grassi, no 19º posto. 


 
No sábado, Da Costa largou da primeira posição e passou a maior parte da corrida trocando de posição com Frijns. Na metade da prova, Evans entrou nesta disputa e deixou o resultado em aberto, até que, na 19ª volta, René Rast bateu forte na proteção e o safety car foi acionado.

 
O pelotão dianteiro voltou a ficar emparelhado. Líder, Evans passou a sofrer com a pouca bateria que tinha. E, na última volta, não conseguiu conter a pressão de Da Costa. Frijns também passou. “Sabia que a única oportunidade ia ser ali e esperei umas três ou quatro voltas para que Mitch não soubesse e eu conseguisse a vitória no final”, comentou o português.

Evans, apesar da vaga no pódio, lamentou a chance perdida. “São bons pontos no campeonato, mas quando você está liderando a última volta, e resta meia volta e você não ganha, dói”, declarou.

Di Grassi fez uma corrida de recuperação ao largar da 17ª posição. Chegou a estar na zona de pontuação e terminou na 10ª posição, somando um ponto no campeonato. “Largamos em 17º e conseguimos novamente chegar na zona de pontuação. E ainda fui jogado para fora na última curva. Então estou bem contente com o desempenho do carro. Fomos muito rápidos na corrida”, avaliou o brasileiro da equipe Audi.

 
Outro piloto do Brasil na categoria, Sérgio Sette Câmara cruzou a linha de chegada no 15º lugar.

A próxima etapa da temporada da Fórmula E está marcada para os dias 19 e 20 de junho, com uma rodada dupla em Puebla, no México.

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!