Com VAR decisivo, Ituano derrota a Ponte Preta por 2 a 1 nos acréscimos

Com uma arbitragem bastante polêmica de Thiago Duarte Peixoto, a Ponte Preta conheceu a terceira derrota seguida no Campeonato Paulista, no domingo (02), ao perder para o Ituano por 2 a 1, no estádio Novelli Júnior, em Itu (SP), pela 10.ª rodada.

 
Ainda ameaçada pelo rebaixamento, a Ponte Preta perdeu a chance de dormir na vice-liderança do Grupo B e estacionou na terceira colocação, com 10 pontos. Já o Ituano chegou à segunda vitória seguida e, apesar de ser o lanterna do Grupo C, praticamente assegurou a permanência na elite ao chegar aos 13 pontos. 


 
A partida começou eletrizante. Logo no primeiro minuto, Mateus Silva aproveitou rebote do goleiro Ygor Vinhas e abriu o placar para o Ituano. O empate da Ponte Preta saiu aos 10, com Apodi recebendo passe de Paulo Sérgio e batendo cruzado.

Como era esperado, os times não conseguiram manter o ritmo na sequência do primeiro tempo. A situação da Ponte Preta ficou mais complicada quando Yuri foi expulso após deixar o pé em Branquinho. Com um a mais, o Ituano fez Ygor Vinhas trabalhar em chutes de Fernando Medeiros e Breno Lopes.

 
O segundo tempo foi ataque contra defesa. Apesar de ter muito mais posse de bola, o Ituano não conseguia encontrar espaços na defesa da Ponte Preta. Foi então que o VAR mais uma vez roubou a cena. No último lance, com a ajuda do árbitro de vídeo, Thiago Duarte Peixoto assinalou pênalti para o Ituano. Fernandinho deslocou Ygor Vinhas e deu números finais à partida.

O Ituano volta a campo nesta quinta-feira contra a Ferroviária, às 22h15, na Arena da Fonte Luminosa, em Araraquara (SP), pela 10.ª rodada. Na quarta, a Ponte Preta faz o dérbi de Campinas (SP) contra o Guarani, às 21 horas, no estádio Moisés Lucarelli, pela sexta rodada.

FICHA TÉCNICA

 
ITUANO 2 x 1 PONTE PRETA

ITUANO – Pegorari; Pacheco, Mateus Silva, Matheus Mancini e Breno Lopes (Mário Sérgio); Tárik, Fillipe Soutto e Fernando Medeiros (Roni); Branquinho (Gabriel Taliari), Kadu Barone (Fernandinho) e Victor Rangel. Técnico: Guilherme Bellangero (auxiliar).

PONTE PRETA – Ygor Vinhas; Felipe, Luizão, Ruan Renato e Yuri; Dawhan, Locatelli (Renatinho) e Camilo (Bruno Michel); Apodi (Pedrinho), Niltinho (Léo Naldi) e Paulo Sérgio (Rayan). Técnico: Fábio Moreno.

GOLS – Mateus Silva, a 1, e Apodi, aos 10 minutos do primeiro tempo; Fernandinho (pênalti), aos 53 minutos do segundo tempo.

 
CARTÕES AMARELOS – Tárik (Ituano); Niltinho e Pedrinho (Ponte Preta).

CARTÃO VERMELHO – Yuri (Ponte Preta).

ÁRBITRO – Thiago Duarte Peixoto.

RENDA E PÚBLICO – Jogo com portões fechados.

LOCAL – Estádio Novelli Júnior, em Itu (SP).

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!