Foto: Catve

CoronaVac é eficaz contra variante brasileira do novo coronavírus, aponta estudo

Um estudo feito com 67 mil profissionais de saúde em Manaus aponta que a vacina CoronaVac, produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, apresenta 50% de eficácia contra P.1, variante brasileira do novo coronavírus, identificada pela primeira vez na capital do Amazonas.

A taxa de eficácia diz respeito ao aparecimento de casos sintomáticos da doença, no período de 14 dias após a aplicação da primeira dose do imunizante.

O estudo completo da fase de imunização ainda está em fase de análise pelo grupo Vebra Covid-19, que conta com a participação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e de universidades nacionais e internacionais.

 
 

Com informação da Catve e TV Cultura

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!