Covid-19: Foz do Iguaçu adota medidas restritivas aos finais de semana

A Prefeitura de Foz do Iguaçu adotará novamente o toque de recolher aos finais de semana como forma de prevenção e enfrentamento à Covid-19. O Decreto n° 29.199, que estabelece as medidas, foi publicado na quarta-feira (12) à noite no Diário Oficial do Município.

O fechamento total das atividades e a restrição da circulação de pessoas acontecerá neste e no próximo final de semana (15 a 17 de maio e 22 a 24 de maio), no mesmo formato como ocorreu no mês de março, com fechamento do comércio às 17h de sábado e toque de recolher das 18h de sábado até as 5h de segunda-feira. Neste período, será proibida a circulação de pessoas, salvo por motivo de força maior devidamente justificada.

A partir de 17 de maio (segunda-feira), o toque de recolher no município passa a ser das 23h às 5h, sendo proibida a circulação de pessoas, salvo por motivo de força maior.

Justificativas

As medidas restritivas levam em consideração uma série de fatores, entre eles o aumento no número de casos de Covid, a ocupação de leitos de UTI e a alta taxa de transmissão da doença - atualmente em 1,48 - a maior desde o início da pandemia.

"A restrição da circulação de pessoas, especialmente aos finais de semana, foi a medida mais eficaz adotada pelo município. No mês de abril, após três semanas de restrições, tivemos redução de 76% na média móvel, saindo do momento mais crítico da pandemia, com 300 casos diários, para cerca de 70 casos diários", explica o gerente da Vigilância Epidemiológica, Roberto Doldan.

A decisão atual também leva em consideração a taxa de letalidade, que está em2,33%, com 815 óbitos desde o início da pandemia; e a elevação da média móvel de casos, que no dia 28 de abril estava em 57 e nesta quarta-feira (12) estava em 114, representando um aumento de 100%.

Outra preocupação é a circulação das novas variantes P1 e P2 em Foz do Iguaçu, identificadas pela Secretaria Estadual de Saúde (SESA). "A média móvel demonstra uma tendência de crescimento exponencial do número de casos e, posteriormente, a um aumento de internamentos e óbitos. Nas últimas seis semanas epidemiológicas, o número de internamentos se manteve na média de 153 pacientes, número considerado elevado para a estrutura de assistência do município", completa Doldan.

A taxa de ocupação de leitos de UTI no Hospital Municipal está em 99%, com 69 dos 70 ocupados. A unidade hospitalar é referência para os nove municípios da região Oeste, além de atender paraguaios e brasiguaios.

Decisão conjunta

A proposta da restrição de circulação de pessoas aos finais de semana foi debatida com prefeitos das cidades que compõem a 9ᵃ Regional de Saúde na última terça-feira (11) e deve ser adotada pelos demais municípios para frear a transmissão da Covid-19. A decisão conjunta se faz necessária uma vez que existe o trânsito de moradores entre essas cidades, especialmente aos finais de semana.

Delivery

A entrega de alimentos prontos para consumo, bem como o fornecimento de gás por delivery ou tele-entrega poderá funcionar das 17h às 22h nos sábados (15 e 22 de maio) e das 10h às 22 horas nos domingos (16 e 23 de maio), sendo proibida a retirada no balcão pelos clientes.

Permissões

Os atrativos turísticos e os meios de hospedagem poderão abrir, somente para turistas, com a devida comprovação. Postos de combustíveis podem funcionar até as 20 horas, vedada as atividades de lojas de conveniências. A Rodoviária também poderá funcionar, exclusivamente para embarque e desembarque.

Também fica permitido o funcionamento de farmácias, urgência e emergência médica humana e animal; serviços de assistência social e atendimento a população em estado de vulnerabilidade; serviços funerários; serviço de fiscalização pelos órgãos fiscalizadores municipais, estaduais e federais; provedores de acesso às redes de comunicações, telecomunicação e internet.

O transporte privado de passageiros pode funcionar somente para atender moradores que possam justificar o deslocamento. Nos casos permitidos de circulação de pessoas é obrigatório o uso de máscara e a circulação de no máximo dois membros por família, quando necessário.

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!