Crespo vai de São Paulo alternativo para administrar avalanche de jogos

Embalado pelos 100% de aproveitamento nos dois jogos que realizou no intervalo de 48 horas, o São Paulo que enfrenta o Guarani nesta quarta-feira (14), às 21h30, no Morumbi, deve ser composto praticamente por jogadores reservas a fim de suportar essa avalanche de partidas na retomada do calendário do Campeonato Paulista.

 

 

 

Vai ser o terceiro confronto da equipe são-paulina em quatro dias e o técnico Hernán Crespo espera, assim, recuperar parte dos atletas que foram utilizados diante do São Caetano e Red Bull Bragantino.

 

 

 

 

Apesar da realidade de jogar dia sim, dia não, a chance de o zagueiro Miranda fazer a sua reestreia no São Paulo não está garantida.

 

 

 

Arboleda, Bruno Alves e Léo ficaram em campo durante os 180 minutos dos dois jogos anteriores, uma alteração na linha defensiva é quase certa.

 

 

 

Mas Crespo não quer acelerar o processo para recolocar o veterano jogador em campo.

 

 

 

 

Em entrevista, o técnico argentino disse que Miranda vem treinando bem, mas não dá como certa a sua entrada.

 

 

 

 

Para o setor, ele também tem Rodrigo Freitas e Diego Costa.

 

 

 

Tiago Volpi e Daniel Alves, que estão no mesmo caso do trio defensivo titular, podem ser poupados para o duelo diante da equipe campineira.

 

 

 

Com dores na coxa, o atacante Luciano ainda vai ser reavaliado e tem grandes chances de ser poupado.

 

 

 

Ele esteve ausente do jogo contra o São Caetano por conta de problemas particulares e contra o Bragantino entrou no decorrer da partida.

 

 

 

 

Gabriel Sara e Hernanes também se recuperam de lesão e dependem de avaliação dos médicos para saber se reúnem condições de atuar.

 

 

 

O grupo se reapresentou nesta terça-feira pela manhã, fez um trabalho de recuperação.

 

 

 

A intenção do treinador é poupar o máximo de titulares para enfrentar o Palmeiras sexta-feira dando sequência à maratona de partidas pelo Paulista.

 

 

 

Até aqui foram, foram utilizados 17 atletas nessas partidas.

 

 

 

Crespo prega cautela, mas garante estar aproveitando essa sequência para observar todos os atletas que estão à disposição.

 

 

 

A classificação aponta para situações distintas na tabela.

 

 

 

Os donos da casa lideram o Grupo B com 13 pontos, mas com dois jogos a mais que a vice-líder Ferroviária.

 

 

 

Já o Guarani só está à frente do São Caetano na sua chave, tem cinco pontos em cinco jogos e só venceu uma vez no torneio.

 

 

 

O fato de ter obtido os seis pontos diante do São Caetano e do Red Bull Bragantino tiram a pressão por resultados de Crespo.

 

 

 

Melhor do que isso foi a confiança adquirida nessa paralisação do estadual por conta da pandemia do novo coronavírus.

 

 

 

Foram seis gols em duas partidas e um bom desempenho da parte ofensiva.

 

 

 

JEJUM – Sem ganhar há três jogos, o Guarani caiu para a terceira colocação do Grupo D, com cinco pontos. Se conseguir surpreender o São Paulo, o time entra na zona de classificação e, dependendo do saldo de gols, pode até dormir na liderança.

 

 

Satisfeito com a atuação do time apesar da derrota para o Corinthians, por 1 a 0, no último domingo à noite, o técnico Allan Aal não deve realizar grandes mudanças.

 

 

 

Uma delas pode ser no gol com a entrada de Rafael Martins no lugar do contestado Gabriel Mesquita.

 

 

 

Apesar de não ter tido muito tempo entre um jogo e outro, o treinador aproveitou os dois treinamentos para melhorar a questão da finalização.

 

 

 

Nas últimas partidas, o Guarani fez bons jogadores, mas não conseguiu concluir as chances em gols.

 

 

“Não só os atacantes, mas o time todo.

 

 

 

Até eu, contra o Corinthians, acabei tendo uma oportunidade de finalizar e acabei errando um cabeceio.

 

 

 

 

Então quando a gente fala de gols, a gente fala de todos, não só dos atacantes.

 

 

 

Mas a gente precisa caprichar um pouquinho mais, porque a hora que esses gols começaram a sair, eu acredito que essa fase nossa vai mudar”, disse o zagueiro e capitão Airton.

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!