Foto: Duda Bairros/Vicar

Daniel Serra e Ricardo Maurício vencem abertura da Stock Car

Corridas cheias de alternativas e trocas de posições. A primeira rodada dupla da Stock Car, com uma prova atrás da outra, foi bem a característica de Goiânia. Com 32 pilotos no grid de largada a emoção foi natural.

Corrida 1

Na Corrida 1 foram várias trocas de posições nas primeiras voltam, com toques laterais e algumas saídas de pista, mas com todo mundo se mantendo na pista.

O problema maior foi com o estreante na categoria, Tony Kanaan, que bateu forte na sexta volta e obrigou a entrada do safety car.

Na relargada, faltando 11 minutos, Daniel Serra manteve a frente, com Ricardo Maurício em segundo. A briga ficou boa na disputa da décima posição, mas Gabriel Casagrande controlou bem o ímpeto dos rivais que vinham logo atrás.

Logo depois aconteceu a abertura de box para uma parada obrigatória. Os pilotos tiveram três voltas para fazer o pit stop. Com os dois carro na frente, a equipe RC Eurofarma optou por Ricardo Maurício primeiro nos boxes. Depois foi a vez de Daniel Serra. As paradas foram praticamente iguais, só que na volta dos boxes Serra foi superado pelo companheiro de equipe que ligou o push para ficar com a primeira colocação. Cacá Bueno permaneceu em terceiro.

Na volta seguinte Ricardo Maurício errou e rodou na pista. Liderança no colo de Daniel Serra e Ricardinho pulou para a nona colocação.

Outro estreante, Felipe Massa acabou parando no fim da Corrida 1 com problemas no carro. A equipe trabalhou muito para colocar Massa na Corrida 2 e mesmo com problemas no câmbio ele conseguiu retomar, largando dos boxes.

Enquanto isso Daniel Serra, que largou em segundo, contornou bem as curvas e sem ser ameaçado por Cacá Bueno, o segundo colocado, recebeu a bandeira quadriculada na ponta. Vitória do tri-campeão da Stock Car na Corrida 1 em Goiânia. Cacá Bueno em segundo e Allan Khodair o terceiro.

Rubens Barrichelo e Ricardo Zonta foram desclassificados porque fizeram a parada obrigatória fora da janela prevista pelo regulamento.

Corrida 2

Com grid invertido Gaetano Di Mauro largou em primeiro, Ricardo Maurício em segundo, Gabriel Casagrande em terceiro, Denis Navarro o quarto e Thiago Camilo em quinto. Na sequência, entre os dez primeiros, Bruno Baptista, César Ramos, Allan Khodair, Cacá Bueno e Daniel Serra.

A largada em movimento da Corrida 2 foi mais tranquila que a primeira prova e Gaetano se manteve na ponta.

Marcos Gomes rodou e o safety car entrou em ação novamente porque o carro ficou em uma posição perigosa no circuito. Allan Khodair também teve problema e encostou o carro. Júlio Ramos seguiu o mesmo caminho e estacionou o carro no box.

Depois de ficar praticamente metade da Corrida 2 na pista, por conta de sujeira de óleo no traçado, o safety car se retirou e Gaetano di Mauro aparentou bem a primeira posição. Navarro investiu para cima de Gabriel Casagrande na briga pela terceira colocação, mas o paranaense não permitiu a ultrapassagem.

E lá na frente Gaetano Di Mauro não suportou a pressão de Ricardo Maurício, que passou até com certa facilidade e assumiu a ponta.

Rubinho Barrichelo forçou demais em uma tentativa de ultrapassagem e acabou rodando. Guatavo Frigoto recebeu um leve toque de Massa e também rodou. Frigoto conseguiu retomar a corrida, mas rodou novamente.

A briga passou a ser pela segunda posição. Casagrande foi chegando em Di Mauro, mas Gaetano usou nem o push para segurar o seu lugar na pista.

Daniel Serra e Bruno Batista brigaram pela sexta posição e Serra levou vantagem.

Enquanto isso Cacá Bueno perdeu a roda esquerda traseira e foi embora. Com apenas três rodas ele tentou levar o carro até os boxes.

Na última volta Thiago Camilo conseguiu passar Daniel Serra, assumindo a quinta colocação. Na linha de chegada Serra devolveu a ultrapassagem em Camilo e ficou mesmo em quinto.

E se por um detalhe não venceu a Corrida 1, Ricardo Maurício chegou na ponta na Corrida 2 sem dar chances para ninguém. Dobradinha da equipe RC.

Gaetano Di Mauro cruzou a linha de chagada em segundo e Gabriel Casagrande foi o terceiro, completando o pódio. Denis Navarro foi o quarto e Daniel Serra o quinto.

As provas foram mostradas ao vivo pelas mídias sociais da Catve. A próxima etapa da temporada será no dia 16 de maio no autódromo de Interlagos em São Paulo.

 
 

com informaçaõ da Catve

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!