Foto: Divulgação/FIFA

Espanha e Portugal oficializam candidatura dupla para serem sede da Copa de 2030

O namoro entre Espanha e Portugal para serem sedes conjuntas da Copa do Mundo de 2030 foi oficializado nesta quinta-feira (03), após quase dois anos de tratativas. Bandeiras das duas seleções foram hasteadas em estádios de ambos os países firmando o acordo que será sacramentado antes do amistoso desta sexta-feira (04).

Espanha e Portugal estarão frente a frente no Wanda Metropolitano, estádio do Atlético de Madrid, fazendo o amistoso clássico dos 100 anos. Nele estarão diversas autoridades dos países para o anúncio oficial da candidatura dupla. Além dos dirigentes, estarão entre os convidados o presidente do governo espanhol, Pedro Sánchez, e o primeiro-ministro português, António Costa.

"Este amistoso será o início de um projeto que unirá espanhóis e portugueses na escolha de sediar a Copa do Mundo", anunciou a Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF). ?RFEF e Federação Portuguesa de Futebol (FPF) vão tornar visível a força desta candidatura no ato anterior ao jogo entre as suas seleções, cem anos após o seu primeiro jogo.?

Com a união, os países acreditam que largam com grande favoritismo na escolha para 2030. Os presidentes da RFEF, Luís Rubiales, e da FPF, Fernando Soares Gomes da Silva, receberão o apoio institucional dos mais altos representantes de ambos os países para organizarem a candidatura de Espanha e Portugal para o Mundial de 2030.

O Rei Felipe VI, o presidente do governo espanhol, Pedro Sánchez, o primeiro-ministro português, António Costa, e o presidente da república portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa, darão visibilidade ao projeto, que promete unir os cidadãos e torcedores dos dois países. A solenidade de parceria será transmitida ao vivo na Espanha e em Portugal.

Além do Wanda Metropolitano, o Palácio das Telecomunicações, sede da Câmara Municipal de Madri, também refletirá a união dos países pelo Mundial de 2030. As fachadas de ambos serão iluminadas com as cores das bandeiras espanhola e portuguesa.

Apenas Ásia, que sediará a Copa de 2022, no Catar, o Concacaf, sede de 2026, não poderão participar do sorteio da sede de 2030, informou a Fifa. A candidatura de Espanha e Portugal, portanto, terá diversos concorrentes, como Marrocos, Grécia, Bulgária, Sérvia e Romênia, além da parceria tripla entra Argentina, Uruguai e Paraguai, até então dispostos a lutar pela competição de 2030.
 

com informações da Catve

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!