Ex-professor paranaense condenado por estupro é preso, diz governo americano

Um ex-professor de Curitiba considerado foragido da Justiça brasileira foi preso nos Estados Unidos, segundo o Homeland Security Investigations (HSI), que é um órgão do governo americano voltado para investigar imigrações.

Sergio Donizetti Luciano, 59 anos, está sob custódia do governo federal dos Estados Unidos e foi condenado no Brasil por estupro de vulnerável, de acordo com o HSI.

O G1 tenta contato com os advogados de Sergio Donizetti Luciano.

O governo americano divulgou a prisão na segunda-feira (26), mas não informou o dia em que o suspeito foi detido.

No Brasil, Sergio responde a um processo em Santa Catarina. A ação é de 2014 e corre sob segredo de Justiça. Ele também já trabalhou como professor em instituições do Paraná, como colégios de Curitiba.

Em 2018, o Tribunal de Justiça de Santa Catarina condenou o investigado a oito anos de reclusão em regime semiaberto. À época, a decisão concedeu direito ao acusado de recorrer em liberdade.

Em julho de 2020, a Justiça expediu um mandado de prisão contra o réu.

O HSI informou que Sergio trabalhou como treinador de times de vôlei em diversas equipes dos Estados Unidos, entre 2017 e 2021.

O órgão apura se o investigado também cometeu crimes nos Estados Unidos e pediu para que a população local faça denúncias, se for o caso.

Com informação do G1

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!