Fotos Reunião bovinocultura leite (Marili Koehler)

Fortalecimento do segmento lácteo é uma das metas do Governo de Pato Bragado

Nos últimos meses o cenário macrorregional da bovinocultura de leite não é dos mais animadores. Embora o país esteja entre os maiores produtores de leite do mundo, com relevante participação no Produto Interno Bruto (PIB), o segmento lácteo já não representa mais uma fonte de renda que contribui significativamente para permanência do homem no campo, principalmente para os pequenos produtores. 

Diante desse impasse, a administração de Pato Bragado está em busca de novas alternativas de auxílio e incentivo ao setor. Ontem (29), prefeito Leomar Rohden, o Mano, vice John Nodari e a secretária de Agricultura e Meio Ambiente, Jaqueline Vanelli promoveram uma reunião com médicos e técnicos veterinários do município.

Num primeiro momento, a secretária apresentou as classes de produção existentes no setor, que variam de 500 a mais de 20 mil litros/mês. Ela expôs ainda que há cerca de 10 anos o município contava com mais de 300 produtores de leite e que hoje esse número permeia os 100, em consequência do êxodo rural. 

Médicos e técnicos veterinários apontaram diversas causas para o êxodo rural, como o desfalque de mão de obra, custos de produção com insumos muito caros, dependência de infraestrutura, migração dos filhos de produtores do campo para a cidade, uma vez que os jovens crescem acreditando que a renda oriunda do leite não é viável, além da falta de tecnificação e planejamento.

 

NOVAS ALTERNATIVAS

De acordo com a secretária, a maior parte dos presentes concordou que são necessárias novas ações possíveis e eficientes para que o leite se mantenha rentável, com alimentos alternativos, planejamento forrageiro, palestras, cursos e campanhas online. “São ações que vão amenizar a situação e melhorar o setor”, incrementou o vice-prefeito.

O prefeito Mano defendeu a necessidade de melhorias no setor da bovinocultura de leite, desde a procura por alimentos que tenham eficiência nutricional, assim como a semente de milho e outros subsídios já fornecidos pelo Governo Municipal. No caso do milho disse que é preciso pensar em variedades resistentes e melhoradas para este setor.  

O gestor mencionou que é preciso analisar também a possibilidade de melhorar o programa de incentivo à cama de aviário, criar novos programas, assim como rever as patrulhas rurais uma vez que conforme o consenso da maioria dos participantes, os produtores também devem se sentir estimulados a buscar o associativismo”. 

 

Fotos Reunião bovinocultura leite (Marili Koehler) – Assim como as autoridades técnicos e médicos veterinários concordam que são necessárias novas ações possíveis e eficientes para que o leite se mantenha rentável

Fotos



Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!