Governo de Pernambuco veta jogos da Copa América pelo ‘cenário epidemiológico’

A Conmebol anunciou na manhã desta segunda-feira que o Brasil é a mais nova sede da Copa América. As capitais que sub-sediarão a competição, marcada para os dias 13 de junho e 9 de julho, ainda não foram definidas. Manaus, Brasília, Natal e Recife estão no leque de opções da entidade. Pouco tempo após o anúncio, no entanto, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), declarou que não poderá receber partidas do torneio em razão do “atual cenário epidemiológico”.

 
Isso porque o Estado encontra-se no pior momento da pandemia. No último sábado, houve recorde de novas infecções pela covid-19. Ao todo, foram registrados 5.576 casos da doença em 24 horas. A taxa de ocupação de leitos de UTI na rede pública é dramática e já atinge os 98%. Nos hospitais privados não é diferente. Cerca de 86% dos leitos estão ocupados por pacientes diagnosticados com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag).


 
Com a negativa, as opções da Conmebol diminuem. A entidade, no entanto, está confiante que não terá de ir atrás de outro país para sediar a competição novamente. A princípio, Colômbia e Argentina sediariam o evento, mas por motivos diferentes recuaram.

 
Leia na íntegra a nota oficial divulgado pelo Governo de Pernambuco

“O Governo de Pernambuco monitora, de forma permanente, por meio do Gabinete de Enfrentamento à Covid-19, os indicadores da doença no Estado. Nas últimas semanas, foi identificada uma nova aceleração dos casos, que motivou novas medidas restritivas no Agreste e na Região Metropolitana.

Apesar de ainda não ter sido procurado oficialmente pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o Governo do Estado reforça que o atual cenário epidemiológico não permite a realização de evento do porte da Copa América no território de Pernambuco.”

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!