GP de Cingapura de F-1 é cancelado pelo 2º ano consecutivo por causa da pandemia

Os promotores do GP de Cingapura de Fórmula 1 anunciaram nesta sexta-feira o cancelamento da corrida em 2021 devido a preocupações com a pandemia de covid-19. O evento noturno aconteceria entre 1.º e 3 de outubro, mas os organizadores afirmam que não teriam condições de “entregar a experiência completa que os fãs se acostumaram a esperar ao longo dos anos”.

 
“Entendemos que nossos fãs estão ansiosos por outra edição do GP de Cingapura de Fórmula 1. Cancelar o evento pelo segundo ano consecutivo foi uma decisão incrivelmente difícil, porém necessária”, disse o vice-presidente da empresa organizadora, Colin Syn.

“Temos de ser responsáveis, cautelosos e prudentes, uma vez que a segurança é nossa maior preocupação”, acrescentou o organizador. Com 62.145 casos e apenas 33 mortes até o momento, Cingapura está com a pandemia sob controle e vem registrando menos de 60 contágios por dia desde setembro do ano passado.

As primeiras mortes por covid-19 em Cingapura no ano de 2021 foram registradas em abril. O país, que chegou a ser exemplo no controle da pandemia, registrou 248 novos casos de infecção na última semana de maio, dentre os quais foi detectada a variante indiana do vírus. Isso levou o governo a impor restrições voltadas para os terminais de viagens, além de separar passageiros e voos de acordo com a classificação de risco das regiões de origem.

 
Recentemente, a Fórmula 1 já teve de lidar com o cancelamento do GP do Canadá, depois substituído pela Turquia, que também acabou saindo do calendário. No fim das contas, a categoria decidiu fazer uma segunda corrida na Áustria, no circuito Red Bull Ring, batizando-a como GP da Estíria, assim como em 2020.

A Fórmula 1 ainda não anunciou o autódromo que vai entrar no lugar de Cingapura, mas fala-se em um possível retorno da China ou em uma rodada dupla em Austin, nos Estados Unidos. “Continuamos a trabalhar com todos os promotores nesses tempos fluídos e temos muitas opções para adaptar, se necessário”, garantiu um representante da categoria.

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!