Foto: Banda B

Idoso que teria estuprado criança morre baleado após atacar policiais com facão

Um idoso, de aproximadamente 65 anos, foi baleado e morto após se recusar a atender ordens policiais e atacar uma equipe da Polícia Militar (PM) com um facão. O suspeito teria estuprado uma criança de três anos que vivia no mesmo terreno de sua residência, na Rua Bortolo Cuman, no Bairro Butiatuvinha, em Curitiba. A confusão aconteceu na noite da segunda-feira (12).

Segundo o tenente Nicola, da PM, os pais da criança perceberam que ela tinha sangramentos genitais e, na sequência, foram até o 12° Batalhão da PM para fazer a denúncia. "Os pais perceberam que essa criança tinha sangramentos genitais e perguntaram a ela o que tinha acontecido. A mesma informou que o vizinho, que mora no mesmo terreno, na casa de cima, havia oferecido doces e cometido o crime contra ela", relatou o tenente.

A equipe do batalhão foi até o local e encontrou o suspeito apontado pelos pais da vítima. Porém, ele não reagiu bem à abordagem. "A equipe deslocou até o local do fato, onde o possível autor estava. O indivíduo não obedeceu a ordem policial de se afastar e colocar a mão na cabeça, e ainda investiu contra a equipe com um facão. Diante dessa situação, a equipe realizou um disparo contra ele, que veio a morrer no local", contou Nicola.

O homem ainda não foi identificado.

Com informação da Catve e Banda B

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!