Neymar erra pênalti, PSG vence, mas Lille também ganha e conquista o Francês

Em um jogo ruim tecnicamente, o Paris Saint-Germain derrotou o Brest fora de casa por 2 a 0, mas quem fez a festa no domingo (23),  foi o Lille, que venceu o Angers como visitante por 2 a 1 e quebrou a hegemonia do estrelado time parisiense ao voltar a conquistar o Campeonato Francês depois de dez anos.

 
O Lille voltou a levantar a taça do torneio nacional após dez temporadas e somou sua quarta conquista na história. O time terminou a sua vitoriosa campanha com 83 pontos, uma a mais que o PSG, que viu seu domínio na França ser interrompido depois de ser campeão nacional sete vezes nos últimos oito anos. 

 
O atacante canadense Jonathan David e o centroavante turco Burak Yilmaz marcaram os gols do triunfo que garantiu o título ao Lille. Fulgini descontou. Com um investimento absurdamente menor do que o do PSG, o time do norte da França desbancou o milionário rival com uma campanha excelente, de apenas três derrotas em 38 partidas e tendo tido a melhor defesa – somente 23 gols sofridos. Tetracampeonato merecido do Lille, que havia sido campeão em 1946, 1954 e 2011.

 
Diante do Brest, o PSG fez o suficiente para vencer, mas já era tarde para ser campeão. Di María marcou um belo gol olímpico e Mbappé fechou o placar, que poderia ter sido mais amplo não fosse o pênalti perdido por Neymar no primeiro tempo. De volta à equipe após cumprir suspensão na final da Copa da França, o astro brasileiro chutou a cobrança para fora, algo raro, uma vez que ele não costuma desperdiçar pênaltis.

O time treinado por Mauricio Pochettino fecha a temporada somente com o título da Copa da França. Na próxima temporada, terá de fazer ajustes para conquistar o tão sonhado título da Liga dos Campeões. Isso passará muito por Neymar, que foi desfalque em vários jogos em 2020/2021.

 
Na ausência do camisa 10, o jovem atacante Kylian Mbappé assumiu o protagonismo e terminou o Campeonato Francês como artilheiro, com 27 gols em 30 jogos, além de ter contribuído com sete assistências. As ótimas performances renderam ao astro francês o prêmio de craque da competição, concedido pela União de Jogadores Profissionais da França.

Além de Lille e PSG, a outra equipe francesa na próxima edição da Liga dos Campeões será o Monaco, que empatou sem gols fora de casa com o Lens e terminou o torneio no terceiro lugar. A equipe do Principado se beneficiou do vacilo do Lyon, que levou 3 a 2 do Nice em casa e perdeu a chance de ficar com a vaga na principal competição de clubes da Europa.

 
Apesar do revés para o PSG, o Brest se salvou do rebaixamento graças à derrota do Nantes, que levou 2 a 1 em casa do Montpellier e caiu para a segunda divisão francesa, juntando-se a Nîmes e Dijon, que já haviam sido rebaixados.

Veja todos os resultados da última rodada do Campeonato Francês:

Angers 1 x 2 Lille
Brest 0 x 2 Paris Saint-Germain
Lens 0 x 0 Monaco
Lyon 2 x 3 Nice
Metz 1 x 0 Olympique de Marselha
Nantes 1 x 2 Montpellier
Reims 1 x 2 Bordeaux
Rennes 2 x 0 Nîmes
Saint-Étienne 0 x 1 Dijon
Strasbourg 1 x 1 Lorient

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!