Novo atracadouro em Porto Mendes, à prova de vento

Os pescadores profissionais e amadores, turistas e esportistas aquáticos terão, a partir da próxima semana, um novo atracadouro junto ao parque de turismo e lazer de Porto Mendes.

 

 

 

A obra está sendo implantada na extremidade sul do parque, à esquerda da área de camping, onde já havia uma rampa improvisada.

 

 

 

A escolha do local se deve à constante incidência de ventos fortes junto ao atracadouro principal, ao lado da praia artificial, o que dificulta as manobras das embarcações e oferece perigo aos usuários.

 

 

 

Além disso, nessa área há um maior espaço para o estacionamento de automóveis e carretinhas. 

 

 

 

As explicações são do secretário rondonense de Indústria, Comércio e Turismo, Valdir Porto (Portinho).

 

 

 

Ele informou que vem sendo feito um monitoramento do local desde o início do ano, juntamente com técnicos da Itaipu Binacional e da Marinha Brasileira.

 

 

 

 

“Após a conclusão de que o atracadouro posicionado nesta área será mais prático e seguro, obtivemos a autorização da Itaipu e da Marinha para executar a obra, aproveitando o rebaixamento do nível de água do lago”, explicou o secretário.

 

 

 

Portinho fez questão de ressaltar a parceria com as secretarias municipais de Coordenação e Planejamento, Viação e Serviços Públicos e Agricultura e Política Ambiental, que estão fornecendo máquinas, equipamentos e pessoal.

 

 

 

“Inclusive, por orientação do prefeito Marcio Rauber, neste final de semana, essa parceria das secretarias e sua presença em Porto Mendes estará possibilitando a poda de árvores e a recolha de galhos, além de tapa-buracos em ruas do distrito”, apontou.

 

 

 

 

Quanto à construção do novo atracadouro, máquinas trabalham no local nesta sexta-feira, fazendo escavações, terraplenagem e preenchimento com cascalho.

 

 

 

 

A concretagem da rampa deve acontecer neste sábado (29), se o tempo permitir.

 

 

 

 

Na opinião de Portinho, a melhoria terá efeitos positivos para Porto Mendes.

 

 

 

 

“Quanto maior o afluxo de pescadores e de turistas, maior a movimentação da economia do nosso distrito turístico”, concluiu.

Fotos



Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!