Paciente da Covid-19 que foi intubada e extubada ganha alta na segunda-feira

Denícia Tacer, 58 anos, pôde ir para casa na manhã desta segunda-feira (05); na saída do quarto, ela foi recebida e presenteada por equipe do Pronto Atendimento Municipal

Os corredores do PAM (Pronto Atendimento Municipal) Dr. Jorge Milton Nunes, em Toledo, ficaram em festa na manhã desta segunda-feira (05) para celebrar o término da internação de Denícia Tacer. Não foi uma alta qualquer: foi a primeira de um paciente com Covid-19 que sobreviveu após ser intubado e conseguiu ser extubado sem necessidade de transferência para leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Logo na saída do quarto, a dona de casa, de 58 anos de idade, acompanhada pela filha, foi recepcionada por vários colaboradores da unidade de saúde, que seguravam cartazes e balões de festa. A paciente recebeu também um buquê de flores, presente que a deixou muito feliz.

Denícia deu entrada no PAM em 21 de março e permaneceu internada em leito de enfermaria até o dia 24, quando o quadro agravou e precisou ser intubação. Assim ela permaneceu por seis dias, quando teve uma importante melhora e acabou sendo extubada e voltando para o quarto.

Apesar de estar ainda bastante fraca e com dificuldades para andar, já consegue respirar "a ar ambiente" e se alimentar sozinha.

Com informação da Catve

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!