Créditos: Marili Koehler

Pato Bragado promove oficina e incentiva à produção de hortaliças, plantas aromáticas e condimentares

Moradores dos bairros Mutirão, Alvorada, Loteamentos Portal e Social vivenciaram no sábado (05), Dia Mundial do Meio Ambiente, a experiência de juntos participarem da Oficina de Hortas Comunitárias, uma iniciativa da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente de Pato Bragado, Conselho dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu, por intermédio do Projeto Educação para Sustentabilidade e Desenvolvimento Cultural do Território e Gestores Municipais de Educação Ambiental (Gemea).

A oficina contou com oito horas de duração, de conteúdo teórico e prático em área de propriedade do município, no Loteamento Portal, situado ao lado dos bairros. “Temos uma área que não é muito grande, mas que é providencial para que seja usada como horta e é muito bom saber que existem pessoas que vão cuidar desse local e produzir alimentos para consumo próprio e saudável”, afirma o prefeito Leomar Rohden, o Mano. 

A abordagem dos assuntos foi conduzida pelo engenheiro agrônomo e mestre em Desenvolvimento Rural Sustentável pela Unioeste, Vinícius Mattia sobre a produção de mudas, preparo de canteiros, espaçamento, adubação, irrigação, controle de pragas, doenças e plantas daninhas, cobertura de solo e demais tratos culturais específicos para cada cultura. 

A secretária de Agricultura, engenheira agrônoma, Jaqueline Vanelli declara que foram disponibilizadas 15 vagas e as famílias participantes tiveram a oportunidade de cultivar diversas espécies de hortaliças, plantas condimentares e aromáticas para autoconsumo, levando em consideração práticas sustentáveis de produção como o uso de fertilizantes orgânicos, cobertura do solo.

“A intenção foi promover a saúde, estimulando a produção agroecológica para o autoconsumo, melhorando a dieta alimentar que será livre de agrotóxicos”, frisa.

Os participantes não tiveram custos, pois todas as despesas como os materiais de insumo (sementes, adubos, ferramentas, entre outros) e monitor, que foram custeadas por meio desse convênio.

Foram seguidas todas as medidas de segurança pública, preconizadas pelos órgãos governamentais contra a Covid-19.

 

 

Foto Leomar Rohden – “É muito bom saber que existem pessoas que vão produzir alimentos para consumo próprio e saudável”, afirma o prefeito Mano

 

Foto Jaqueline Vanelli – Jaqueline Vanelli: “Intenção foi promover a saúde, estimulando a produção agroecológica para o autoconsumo livre de agrotóxicos”

 

Fotos Oficina de hortas 8, 19, 33 – Vinícius Mattia conduziu a oficina com conteúdo teórico e prático

 

Fotos Oficina de hortas 48, 54, 67, 81, 85, 89, 91– Famílias cultivaram diversas espécies de hortaliças, plantas condimentares e aromáticas para autoconsumo

 

Fotos



Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!