PM registra ocorrência de estupro de vulnerável em Guaíra

Na noite de ontem (14), por volta das 21h30, um pai juntamente de Conselheiras Tutelares foram até o Pelotão da Policia Militar de Guaíra para registrar um boletim de estupro de vulnerável.

Segundo o pai, ele tem uma filha menor de idade e a criança teria ficado na casa dos avós paternos na páscoa. Na terça-feira (13), quando a filha estava com o pai, durante o banho feito pela atual esposa dele (madrasta), perceberam o abuso.

Nessa quarta o casal procurou atendimento para a menor de idade na UPA, sendo que a médica que atendeu a paciente solicitou a presença das Conselheiras Tutelares.

O Boletim de Ocorrência foi registrado e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil.

O Conselho Tutelar de Guaíra vai acompanhar o caso.

Com informação do Portal Guaíra

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!