Portuguesa-RJ abre 2 a 0, mas reservas do Flamengo buscam empate fora de casa

Com equipe reserva, o Flamengo sofreu na noite de sábado (17), para arrancar o empate com a Portuguesa-RJ pela 10ª rodada da Taça Guanabara, a primeira fase do Campeonato Carioca. Jogando no estádio Luso-Brasileiro, a Lusa abriu 2 a 0 no primeiro tempo, mas o Flamengo buscou o 2 a 2 no segundo, com gols de Pedro.

 
Apesar do tropeço, o Flamengo reassumiu a liderança da tabela, com os mesmos 20 pontos do Volta Redonda, mas com vantagem no saldo de gols. O rival, contudo, poderá retomar a primeira colocação no decorrer da rodada. Já a Lusa, com boa campanha, está em quarto lugar, com 18 pontos. 


 

 
Preocupado com a estreia do Flamengo na Copa Libertadores, na terça-feira, contra o Vélez Sarsfield, na Argentina, Rogério Ceni mandou a campo neste sábado uma formação quase toda reserva. De titular, apenas Rodrigo Caio começou jogando. Mas deixou a partida no intervalo por precaução, em razão do gramado pesado do luso-brasileiro.

 
O retorno ao time que vinha atuando no início do Estadual, mas sob o comando do auxiliar, não trouxe o desempenho esperado no primeiro tempo, apesar das boas performances nos primeiros jogos. Ceni não conseguiu repetir aquele bom entrosamento e os reservas não se encontraram em campo.

Mais bem encaixada, a Portuguesa aproveitou a falta de consistência do visitante. Encontrando espaço na defesa, Mauro Silva avançou pela intermediária e arriscou chute de longe. Acertou o ângulo, sem qualquer chance para o goleiro Hugo Souza, aos 12 minutos. O segundo veio aos 27, em jogada de Cafu e Chay que culminou no gol de Romarinho, pegando a sobra.

 
Na volta para o segundo tempo, o panorama não parecia mudar. Aos 6, Emerson Carioca quase anotou o terceiro dos anfitriões. Hugo Souza fez grande defesa. A reação do Flamengo começou quatro minutos depôs, sob a liderança de Pedro. Aos 10, Michael cruzou da esquerda e o atacante deu um “coice” quase na pequena área para completar para as redes

Mais atento, o Flamengo cresceu no jogo. O time exibia atuação mais coletiva, com o ataque reforçando a marcação alta. Com novo ânimo, o Flamengo passou a impor pressão e a Lusa aceitava. Aos 17, João Gomes descolou lindo passe para Pedro anotar o segundo dos visitantes.

 
Mas a reação do Flamengo parou por aí. E, mesmo com a entrada de Rodrigo Muniz no lugar de Pedro, o time visitante não conseguiu buscar a virada. Rodrigo é um dos artilheiros do Estadual.

FICHA TÉCNICA:

PORTUGUESA-RJ 2 x 2 FLAMENGO

PORTUGUESA-RJ – Neguete; Watson (Sidney), Pedro Carrerete, Diego Guerra e Luis Gustavo (Muniz); Wellington Cezar, Mauro Silva, Cafú (Rafael Pernão); Chay, Emerson Carioca (Douglas Eskilo) e Romarinho. Técnico: Felipe Surian.

FLAMENGO – Hugo Souza; Matheuzinho, Rodrigo Caio (Bruno Viana), Gustavo Henrique e Renê; Hugo Moura, João Gomes (Thiaguinho) e Pepê (Max); Vitinho (Mateus Lima), Michael e Pedro (Rodrigo Muniz). Técnico: Rogério Ceni.

GOLS – Mauro Silva, aos 12, e Romarinho aos 27 minutos do primeiro tempo. Pedro, aos 10 e aos 17 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Luis Gustavo, Emerson Carioca, Gustavo Henrique, Pedro Carrerete, Neguete, João Gomes.

 
ÁRBITRO – Rafael de Sá.

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro (RJ).

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!