Prefeitura de Foz do Iguaçu presta apoio às vítimas de temporal

Prefeitura de Foz prestará apoio às vítimas de temporal mesmo durante restrição de circulação

Equipes da Defesa Civil atuam desde a noite de sexta-feira (21) no atendimento às ocorrências registradas por conta das fortes chuvas, que atingiram principalmente a região norte da cidade

A Prefeitura de Foz do Iguaçu está atendendo desde a noite de sexta-feira (21) diversos chamados por conta do temporal que causou danos, principalmente, na região norte da cidade.

Até a tarde deste sábado, pelo registro das ocorrências, a chuva causou a queda de cerca de 100 árvores, que danificaram postes, rede elétrica, veículos e residências; e cerca de 40 casas foram afetadas. No aeroporto, as rajadas de vento chegaram a 65 km/h.

A Defesa Civil está prestando apoio às famílias que foram prejudicadas com a distribuição de lonas para garantir a cobertura provisória das residências.

As árvores que caíram sobre casas estão sendo retiradas pelo Corpo de Bombeiros; as que estão em vias públicas são removidas pelas equipes da Secretaria de Meio Ambiente; e as que danificaram a rede elétrica estão sob responsabilidade da Copel.

Mesmo durante o fechamento das atividades deste final de semana, que acontece a partir das 17h de sábado até às 5h de segunda-feira (24) com o objetivo de reduzir o número de casos e de internamentos por covid-19, esses órgãos seguem prestando apoio às famílias afetadas e para reestabelecer os serviços de água e luz à população.

Equipes da Defesa Civil atuam desde a noite de sexta-feira (21) no atendimento às ocorrências registradas por conta das fortes chuvas, que atingiram principalmente a região norte da cidade

A Prefeitura de Foz do Iguaçu está atendendo desde a noite de sexta-feira (21) diversos chamados por conta do temporal que causou danos, principalmente, na região norte da cidade.

Até a tarde deste sábado, pelo registro das ocorrências, a chuva causou a queda de cerca de 100 árvores, que danificaram postes, rede elétrica, veículos e residências; e cerca de 40 casas foram afetadas. No aeroporto, as rajadas de vento chegaram a 65 km/h.

A Defesa Civil está prestando apoio às famílias que foram prejudicadas com a distribuição de lonas para garantir a cobertura provisória das residências.

As árvores que caíram sobre casas estão sendo retiradas pelo Corpo de Bombeiros; as que estão em vias públicas são removidas pelas equipes da Secretaria de Meio Ambiente; e as que danificaram a rede elétrica estão sob responsabilidade da Copel.

Mesmo durante o fechamento das atividades deste final de semana, que acontece a partir das 17h de sábado até às 5h de segunda-feira (24) com o objetivo de reduzir o número de casos e de internamentos por covid-19, esses órgãos seguem prestando apoio às famílias afetadas e para reestabelecer os serviços de água e luz à população.

 

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!