Seleção brasileira roda o elenco e vence segundo amistoso contra a Venezuela

Com mudanças na escalação, a seleção brasileira masculina voltou a vencer a Venezuela no sábado (22), em amistoso realizado no Rio de Janeiro. O auxiliar Carlos Schwanke, no comando até a volta do técnico Renan Dal Zotto, que se recupera da covid-19, aproveitou para rodar o time no segundo dos três amistosos e o Brasil novamente ganhou do adversário sul-americano por 3 sets a 0, parciais de 25/15, 25/18 e 25/17.

 
Leal, Mauricio Borges, Flavio, Alan e Maique, que não tinham entrado em quadra na sexta-feira, começaram jogando a partida neste sábado. Cachopa e Mauricio Souza completaram o time titular. Outros atletas também ficaram mais tempo na partida, como os ponteiros João Rafael e Vaccari, e o oposto Felipe Roque, eleito o melhor em quadra em votação popular. 


 
O objetivo de rodar o elenco é dar ritmo a todos os atletas para a Liga das Nações, principal desafio do Brasil antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio. A Venezuela, que assim como o Brasil também está classificada para a Olimpíada, manteve a mesma formação nos dois jogos da série de amistosos.

 
“A gente veio na proposta de rodar mais o time, todo mundo ter uma rodagem, aproveitar um pouquinho o jogo. Hoje foi minha vez. Acho que ainda estou me encaixando com o Cachopa, algumas bolinhas, mas é só crescendo agora, evoluindo a cada dia. Ontem o saque entrou, foi uma sequência bem bacana, consegui ajudar bastante a equipe no começo do set. Hoje, se o saque não foi tão bom, eu pude ajudar em outras questões. Isso que é importante, ajudar a equipe no que eu puder”, afirmou Felipe Roque.

Para Vaccari, estreante na seleção, o apoio que ele tem recebido de torcedores vem ajudando a passar o nervosismo. “Na estreia, o friozinho na barriga é um pouco maior. A gente vai se adaptando com quem está aqui do lado. Mas a torcida também incentiva muito a fazer, cada vez mais, o nosso melhor. É muito bom. E estar aqui dentro com a amarelinha, azulzinha hoje, é sensacional”, disse o ponteiro.

 
A seleção brasileira fez novamente uma partida consistente, foi superior em relação ao rival sul-americano, teve bom aproveitamento nos saques, especialmente nas passagens de Leal, e fechou o jogo no Rio de Janeiro com tranquilidade. As duas seleções voltam a se enfrentar neste domingo, às 10h.

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!