Titulares fazem a diferença e Red Bull Bragantino vira sobre o São Bento

Os titulares fizeram a diferença e garantiram a vitória de virada do Red Bull Bragantino na noite de sábado (10),  sobre o São Bento, por 2 a 1, no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba, na retomada do Campeonato Paulista. O jogo foi válido pela nona rodada.

 
Ainda invicto, o Red Bull Bragantino se isolou na liderança do Grupo C, com 11 pontos, três a mais que o Palmeiras, que tem um jogo a menos. Já o São Bento continua sem vencer e amarga a lanterna do Grupo D, com apenas dois pontos. 


 
 
Devido à maratona de jogos que o Red Bull Bragantino vai ter pela frente – três em seis dias -, o técnico Maurício Barbieri colocou um time alternativo em campo. E os reservas não souberam aproveitar a oportunidade. Logo aos cinco minutos, Diego Tavares ficou com o rebote do goleiro Cleiton e cabeceou por cobertura para colocar o São Bento na frente.

Um dos únicos titulares em campo, Helinho deixou tudo igual em cobrança de pênalti aos 22 minutos. A bola acertou o braço de Gabriel dentro da área e o árbitro só viu depois de consultar o VAR, para desespero do técnico Edson Vieira e dos jogadores do São Bento, que ainda acertou uma bola no travessão antes do intervalo.

 
Com o passar do tempo na segunda etapa, Maurício Barbieri colocou alguns titulares em campo, como Claudinho, Artur e Ytalo. E eles fizeram a diferença. Aos 44 minutos, Helinho ficou com a sobra e deu passe preciso para Ytalo. O artilheiro dominou e bateu por baixo de Luiz Daniel.

O São Bento volta a campo na terça-feira, contra o Santo André, às 20 horas, no Canindé, pela quinta rodada. Na segunda, o Red Bull Bragantino encara o São Paulo, também às 20 horas, no Morumbi, pela sétima rodada.

FICHA TÉCNICA

SÃO BENTO 1 X 2 RED BULL BRAGANTINO

 
SÃO BENTO – Luiz Daniel; Gabriel, Dirceu, Bruno Leonardo e Pablo; Fábio Bahia, Serginho (Escobar), Patrick Vieira (Coutinho) e Daniel Costa (Matheus Santos); Diego Tavares e Ítalo (Geovane Itinga). Técnico: Edson Vieira.

RED BULL BRAGANTINO – Cleiton; Weverton, Ligger, Natan e Weverson (Edimar); Jadsom Silva, Vitinho (Ricardo Ryller), Cuello (Artur), Leandrinho (Claudinho) e Helinho; Hurtado (Ytalo). Técnico: Maurício Barbieri.

GOLS – Diego Tavares, aos dez, e Helinho, aos 22 minutos do primeiro tempo; Ytalo, aos 44 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Douglas Marques das Flores

 
CARTÕES AMARELOS – Patrick Vieira (São Bento); Edimar, Ricardo Ryller, Cuello e Ligger (Red Bull Bragantino)

LOCAL – Estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP).

com informação Agência Estado

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!