Vereadores defendem tratamento precoce contra o COVID-19 para rondonenses

Por meio de requerimento aprovado nesta segunda-feira (22), os vereadores Claudio Kohler (Claudinho) e Cleiton Freitag (Gordinho do Suco) solicitam que a Secretaria Municipal de Saúde estimule a adoção do tratamento preventivo contra o COVID-19 nos atendimentos pela rede pública em Marechal Cândido Rondon. De acordo com eles, este seria o anseio da maioria da comunidade rondonense.

A utilização destes medicamentos, segundo os vereadores, é importante, pois por enquanto não é possível imunizar toda a população com vacinas. “Aqueles que defendem essa medida afirmam que o protocolo preventivo se trata da única forma de diminuir, neste momento, os óbitos pela doença”, afirmam Claudinho e Gordinho do Suco.

Embora reconheçam que muitos especialistas e entidades médicas criticam o tratamento precoce, por não haver comprovação científica de sua eficácia, eles citam que a própria doença ainda é alvo de estudos. “Numa guerra se luta com todas as armas disponíveis”, defendem, referindo-se a produtos como vitamina D, Zinco, ivermectina, azitromicina, além da cloroquina e hidroxicloroquina.

“É preciso mencionar que outros municípios da região e do Brasil estão adotando a mesma linha de atuação, em especial Toledo e Cascavel, onde os resultados preliminares são satisfatórios. Por outro lado, há ainda o desejo da classe empresarial em colaborar na doação de recursos para fornecimento das medicações, fato extremamente louvável e que precisa ser considerado pelas autoridades”, destacam.

Distritos

De outra parte, os vereadores João Eduardo do Santos (Juca), Iloir de Lima (Padeiro) e Moacir Froehlich solicitam à Secretaria Municipal de Saúde que realize a vacinação contra o COVID-19 também nos distritos de Marechal Cândido Rondon, além de adotar medidas para reduzir o tempo de espera nas filas de vacinação.

João Eduardo do Santos (Juca), Iloir de Lima (Padeiro) e Moacir Froehlich solicitam à Secretaria Municipal de Saúde que realize a vacinação contra o COVID-19 também nos distritos de Marechal Cândido Rondon

Todo o conteúdo do site Marechal News não pode ser reproduzido sem autorização prévia. A reprodução total ou parcial, poderá sofrer sanções sob pena de lei nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998. Portanto, os conteúdos das páginas deste site, não podem ser copiadas, reproduzidas, transferidas, publicadas ou distribuidas, no todo ou em parte, por qualquer meio ou modo, sem a prévia autorização. Seja um parceiro, envie um e-mail solicitando o uso do nosso conteúdo de texto, imagem ou vídeo. Obrigado!