Setembro
Agosto Azul
Nucleo
Banner Yamaha
FarmaVidda
Policial

Homem é denunciado por fazer sexo no cemitério de Ibiporã

Em sua declaração, o acusado alegou que estava com a andarilha em um bar da cidade e, após ter “ingerido muita pinga”, apostou com outros clientes do estabelecimento que faria sexo com a mulher no cemitério.

Um homem de 41 anos foi denunciado pela Promotoria de Justiça de Ibiporã, no Norte do Paraná, por manter relações sexuais com uma moradora de rua dentro do Cemitério Municipal. O fato, obsceno e inusitado, aconteceu no dia 18 de fevereiro, mas a acusação foi enviada à Justiça apenas no fim do mês de julho.

Na denúncia assinada pelo promotor Bruno Vagaes, o MP-PR (Ministério Público do Paraná) pede que o homem seja processado por praticar ato obsceno em lugar público. Segundo o Código Penal, o crime tem pena de três meses a um ano e também pagamento de multa.

O ato foi filmado por populares e se espalhou rapidamente por grupos de WhatsApp, chegando ao conhecimento da Polícia Civil. O delegado Vitor Dutra de Oliveira intimou o homem a prestar depoimento, o que aconteceu no dia 9 de julho.

Em sua declaração, o acusado alegou que estava com a andarilha em um bar da cidade e, após ter “ingerido muita pinga”, apostou com outros clientes do estabelecimento que faria sexo com a mulher no cemitério. Ele disse ainda que só notou que estava sendo gravado após o fim da relação sexual.

Ainda durante o depoimento, o homem afirmou não se lembrar de tudo o que aconteceu, mas confessou ter praticado sexo com a moradora de rua, que até o momento não foi identificada até agora para se explicar.

Bonde

TOPO