Dengue Pato
Bike Refran
Prefeitura de Mercedes
Ortocolchões
Sandras Publi
Família Acolhedora
Dengue antes
Casa da cuca
IPTU
Banner Yamaha
FarmaVidda
Policial

Mãe e padrasto viram réus por morte de menino de 3 anos em Gaspar

A mãe e o padrasto viraram réus na Justiça pela morte de um menino de três anos em Gaspar, no Vale do Itajaí, no Estado de SC. Os dois foram denunciados pelo Ministério Público de Santa Catarina (MPSC) por homicídio duplamente qualificado – motivo torpe e sem chance de defesa por parte da vítima. O homem está preso provisoriamente no presídio de Blumenau, cidade na mesma região.

A criança morreu em novembro de 2019, vítima de traumatismo crânio-encefálico provocado pelas agressões. Conforme a acusação do MPSC, o menino apanhava do padrasto por ser fruto de relacionamento anterior da mulher. Já a mãe é acusada de ter sido omissa. O caso está em segredo de justiça.

Ainda segundo o MPSC, o acusado estava proibido pela Justiça de se aproximar do menino e a mãe não teria feito nada para proteger o filho. O G1 não conseguiu confirmar se a mulher está presa.

Tortura

O homem já responde a uma ação judicial por torturar a criança, crime pelo qual tinha sido preso em flagrante, mas depois liberado após se comprometer a cumprir medidas alternativas, entre elas não se aproximar do menino, disse o MPSC.

Entretanto, a mãe voltou a morar com o companheiro e deixava o filho sob os cuidados dele, mesmo sabendo das agressões, acusou o MPSC.

Com informação do G1/SC

TOPO